12
nov
2018

Detalhes sobre o assassinato do prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva

– Sequestro

O prefeito de Davinópolis (oeste do Maranhão), Ivanildo Paiva (PRB), foi assassinado na madrugada deste domingo (11). Paiva foi vítima de sequestro quando estava em sua chácara no povoado Jussara, no distrito de Davinópolis. O corpo de Ivanildo foi encontrado a 2 km de sua Fazenda. Já o carro do prefeito foi encontrado abandonado na BR-010, ao lado da mata do 50 BIS, em Imperatriz.

– Delegado Praxísteles 

“O exame de necropsia ainda vai ser finalizado, mas a princípio seria em torno de seis a sete disparos. Tinha pequenas manchas de sangue no quarto, mas algo bem discreto. Os móveis não estavam revirados, mas pode até ter havido luta corporal. Tinha sinais de que houve certa resistência. Vamos tentar conhecer um pouco da história da vítima nos últimos dias, nos últimos meses, para traçar uma linha mais definida para a investigação”. Delegado Praxísteles Martins, titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) em Imperatriz, à frente das investigações.

– Reforço nas investigações 

Delegado em São Luís, Jeffrey Furtado, foi designado pela SSP-MA para também investigar o caso…

A secretaria de Segurança Pública do Maranhão (SSP-MA) enviou o experiente delegado Jeffrey de Paula Furtado (trazido de helicóptero do CTA) para também reforçar as investigações que devem tão logo elucidar o assassinato do prefeito de Davinópolis. Além dos dois delegados, existe uma Força Tarefa da SSP-MA formada por um grupo de investigadores acompanhando as investigações.

– Homicídio mercenário

O delegado Regional, Eduardo Galvão, outro que acompanha o caso, afirmou que a morte de Ivanildo Paiva apresenta características de um homicídio mercenário, com participação de um mandante e um executor, o que torna a ação metodicamente planejada. Eduardo Galvão disse também que aconteceu uma luta corporal antes do prefeito ser executado e que durante o crime houve a participação de mais de uma pessoa na ação criminosa.

– Luta corporal

“Houve luta corporal no interior da residência porque há manchas de sangue. Ter conseguido retirar ele do local. Ele foi morto provavelmente onde o corpo foi encontrado. Foi amarrado até o local. Então um único homem não o faria, mas também não descartamos a possibilidade de que esse suposto mandante tivesse na própria ação no momento em que foi perpetrada”. Disse o delegado Regional, Eduardo Galvão.

– Tudo minuciosamente planejado

O delegado ainda revelou que o assassinato de Ivanildo Paiva foi planejado. “Mas que foi um crime metodicamente planejado nós não temos a menor dúvida pela distância, pelo horário. A pessoa provavelmente esteve mais cedo no local, traçou a rota de fuga por onde sairia para onde executaria o prefeito. Então foi um crime planejado, um crime que teve todo um preparo para ocorrer”.

– Nota do Governo 

Em nota, o Governo do Maranhão manifestou pesar pela morte do prefeito de Davinópolis e informou que vai tomar as providências cabíveis para elucidação do crime. “O Governo do Maranhão manifesta profundo pesar pela morte do prefeito Ivanildo Paiva, de Davinópolis. Ao tempo que repudia o assassinato, informa que todas as providências estão sendo adotadas para elucidar o covarde assassinato, trabalhando para identificar autor/autores para que seja feita justiça. Toda solidariedade a familiares e amigos do prefeito Ivanildo Paiva nesse momento de dor e justa indignação.”

– Lava Jato assume a prefeitura 

Com a morte do prefeito Ivanildo Paiva Barbosa, o vice-prefeito Rubem Lava Jato (PCdoB) assumirá o cargo. O vice prefeito, José Rubem Firmino, popular Rubem Lava Jato é natural da cidade de Teofilandia BA. Ele emitiu nota de pesar pela morte do prefeito Ivanildo Paiva, segundo o jornalista Antônio Filho.” É com imenso pesar recebemos a notícia do falecimento do prefeito de Davinópolis, Ivanildo Paiva. Esperamos que o crime seja solucionado e que os responsáveis sejam punidos conforme a Lei.”, diz a nota assinada por Rubem Lava Jato e Família.

– Nota da FAMEM

A Federação dos Municípios do Estado do Maranhão- FAMEM, também emitiu nota lamentando a morte do prefeito e cobrando rápida elucidação. “O presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão- FAMEM, prefeito Cleomar Tema, vem, através desta, lamentar a morte do prefeito da cidade de Davinópolis, Ivanildo Paiva, assim como solidarizar – se com a família enlutada. Repudiamos o ato de violência ao qual o gestor foi vitima, juntamente com um funcionário seu. E ratificamos o compromisso de reivindicar veementemente, perante as autoridades competentes, a elucidação deste crime bárbaro.”

– Celular do prefeito encontrado 

O celular que pertencia a Ivanildo Paiva é uma das peças principais do quebra-cabeça, para chegar ate os assassinos, o celular foi encontrado por volta das 10 hrs deste domingo (11) as margens da BR 010 em frente a sede da Coca-Cola por familiares do prefeito. Não se sabe se o celular do prefeito caiu do bolso dele no trajeto da Fazenda até o local onde o corpo foi encontrado ou se os assassinos se desfizeram do objeto. De certo mesmo que o aparelho foi encontrado por meio do rastreador do iPhone (Apple).

– Veículo prata

Na fazenda de propriedade do prefeito (povoado Jussara), existem duas residencias, uma sede da fazenda e outra um pouco afastada, esta pertencente a um morador da fazenda. Uma das pessoas da casa relatou à polícia que conversou com dois homens no período da tarde do sábado (10), segundo o morador da propriedade, os homens estavam em um veículo prata e pegaram informações sobre a fazenda. Ainda segundo a testemunha, eles teriam procurado pelo proprietário do imóvel que ainda não tinha chegado.

– Usaram uma corda

Ainda na manhã de domingo (11), moradores da casa que fica na Fazenda foram até a sede da propriedade e encontraram a casa bagunçada, sem a presença do gestor davinopolitano decidiram procurá-lo, nas busca encontraram uma corda. A suspeita é que Ivanildo Paiva foi colocado ainda em vida na sua própria caminhonete.

– Primeiras pistas 

Com as informações que possui, a polícia busca identificar por meio de câmeras o possível trajeto dos autores do crime, entre Davinópolis a Imperatriz. Após perícia foram encontradas pequenas manchas de sangue e sinais de resistência da vítima em seu quarto na Fazenda. Todas as pessoas que tinham alguma relação com o prefeito morto serão ouvidas para que a polícia possa identificar a linha de investigação sobre o caso.

– Linha de investigação

A polícia não descarta nenhuma linha de investigação. O caso pode ser desde crime político por encomenda até situações envolvendo dívida ou vingança.

Prefeito Ivanildo Paiva era aliado político do governador Flávio Dino.

– Latrocínio descartado

A Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) periciou o local do crime e o corpo do prefeito. Segundo a polícia, o prefeito foi assassinado por arma de fogo. A hipótese de latrocínio está descartada.

– Lugar de descanso

Segundo as investigações, na sexta-feira (9) o prefeito informou à família que iria dormir na chácara, onde ele costumava ir para descansar. “Ele foi sozinho para a chácara e depois desapareceu. Pelas informações, ele aparentemente não foi morto onde foi encontrado, mas morto em algum local e transportado na caminhonete, ou morto na caminhonete e transportado até o local. No local, ele foi encontrado sem camisa, de bermuda, e com tiro no peito”, informou o delegado Eduardo Galvão.

– Velório 

O corpo de Ivanildo Paiva está sendo velado desde a noite de domingo (11) na residência da família em Davinópolis. O sepultamento está previsto para ocorrer às 17h no Cemitério Campo da Saudade na cidade de Imperatriz.

– Segurança não foi morto

Ao contrário do que diversos blogs publicaram, o segurança do prefeito não foi morto junto com o gestor municipal. Na verdade, ele não estava com Paiva no momento do homicídio.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo