12
set
2016

Wellington preenche espaço de Edivaldo e Eliziane…

wcn2

Wellington do Curso possui perfil mais próximo das identidades da cidade…

Blog do Ed Wilson Araújo – Pelo menos um fator explica o crescimento do candidato Wellington do Curso (PP) na corrida pela Prefeitura de São Luís: ele transita em todos os segmentos da cidade, independente das concepções religiosas ou das práticas culturais.

Wellington vivencia a cidade em todas as dimensões, nas festividades que são marcas simbólicas da cidade e da preferência da maioria da população: os festejos carnavalesco e junino, a parada GLBTT, o reggae, o forró e tantas outras.

A postura de Wellington difere do comportamento do prefeito candidato à reeleição Edivaldo Holanda Junior (PDT), avesso ao Carnaval e ao São João, duas manifestações típicas de São Luís.

Nesses eventos de massa, onde a cidade se apresenta na plenitude da criatividade, o prefeito é ausente.

Ele se recusa a ir ao encontro do profano e das festividades tradicionais, optando por um comportamento discriminatório, que não sabe lidar com as diferenças.

O prefeito não compreende que, na condição de gestor público e no Estado laico, ele precisa respeitar a diversidade cultural.

É inadmissível o prefeito não comparecer à cerimônia de entrega da chave da cidade ao Rei Momo, no Carnaval, apenas para citar um exemplo.

No mesmo caminho segue Eliziane Gama, ao discriminar o movimento reggae, uma prática cultural significativa em São Luís e entranhada na população mais pobre.

Presos às suas convicções, o prefeito e Eliziane Gama negam a cidade real, aquela que se movimenta no circuito festeiro, nas celebrações sagradas e profanas, nos bailados e rebolados, nas toadas do bumba-meu-boi e no samba das escolas e blocos, no forró safadão, no jazz e blues.

A gestão da cidade precisa respeitar a diversidade. O prefeito, portanto, tem de ser universal. Não pode sobrepor suas preferências aos sentimentos da coletividade, negando as múltiplas formações simbólicas de São Luís.

Longe da cidade real, o prefeito Edivaldo Junior e Eliziane Gama podem ser surpreendidos pela massa, capaz de enxergar em Wellington do Curso um perfil mais próximo das identidades da cidade.

2 Comentários

  1. Eldes Marques disse:

    Meu amigo quanta besteira que vc publica! ninguém merece.

  2. Washington luis disse:

    Esse candidato de momento não vai pra lugar nenhum é péssimo

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade