22
dez
2018

Vereador de São Luís destina emenda à instituto ‘fantasma’

Umbelino Júnior segue os passos do pai, apontado pela CGU por desvios de R$ 83 milhões em recursos públicos…

A imprensa maranhense revelou esta semana que o vereador por São Luís Umbelino Júnior (PPS) destinou uma emenda no valor de R$ 100 mil a um instituto fantasma.

De acordo com a denúncia, a entidade é o Instituto Sirius de Desenvolvimento Social  – ISDS, e o dinheiro público é originário da Secretaria Municipal de Cultura de São Luís – (SECULT).

Os recursos deveriam ser usados para realização do  projeto ‘Zona Rural Cultural’, processo este liquidado e pago aos cofres da entidade ainda no ano de 2017. Não se sabe ao certo o que é o projeto, tampouco, em qual comunidade foi executado.

Toda a documentação da emenda do vereador integra o termo de Colaboração Nª 23/2017 celebrado entre o ISDS  e a SECULT, disponível no portal de transparência da Prefetitura de São Luís.

No endereço onde o Instituto deveria funcionar – Quadra 04, Rua três, Nª 8, no bairro Cohajap, em São Luís – existe apenas uma residência particular.

Em seu quadro de sócios e administradores, a ISDS possui quatro pessoas como diretores: Francisco de Assis Andrade Silva, Zelia dos Reis Lyra Pereira, Simone Maria Rodrigues Pereira e Rosimeire Conceição.

Outro fato curioso é que este instituto não recebeu dinheiro apenas de emenda do vereador Umbelino, outros dez vereadores da capital, misteriosamente, também mandaram recursos para a entidade fantasma. Os valores já se aproximam de R$ 3 milhões.

E não atoa a “bomba” está muito próxima de estourar. Prova disso é que o Ministério Público do Maranhão abriu um procedimento Preparatório para acompanhar e fiscalizar as atividades desenvolvidas pelo ISDS e, ainda, quem está por trás de todo o esquema de emendas parlamentares municipais.

 

E MAIS…

O vereador Umbelino Junior vem seguindo os passos do seu pai na vida pública. Prefeito da cidade de Turiaçu-MA, Umbelino Ribeiro é conhecido pelas atrocidades cometidas com dinheiro público. Recentemente, um relatório da Controladoria-Geral da União (CGU) apontou desvios na ordem R$ 83 milhões dos cofres do município. Na mesma via, Umbelino Jr, vereador pela cidade de São Luís-MA, já inicia sua carreira política cometendo claros atos de corrupção.

Projeto ‘Zona Rural Cultural’, liquidado, e pago aos cofres da entidade ainda em 2017

1 Comentário

  1. Marcinho disse:

    Filho de ladrão… ladrãozinho é

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Cancelar Resposta

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade