16
jun
2020

Compra de imóvel em nome de ‘laranja’ associa venda de emendas parlamentares à empresa Maxtec

Prédio comercial adquirido por Rogério Albino de Sousa teria sido negociado junto com o deputado federal Júnior Lourenço.

Um prédio localizado na Avenida dos Holandeses em São Luís (foto) avaliado em R$ 4 milhões pode ser a ponta do iceberg do esquema bilionário de compra de emendas envolvendo deputados maranhenses.

Avaliado em R$ 4 milhões o imóvel pode ser a ponta do iceberg do esquema bilionário de compra de emendas.

Um prédio localizado na Avenida dos Holandeses em São Luís (foto) avaliado em R$ 4 milhões pode ser a ponta do iceberg envolvendo um esquema bilionário de compra de emendas contornando deputados maranhenses.

Apuração do Blog do Domingos Costa aponta para o empresário Rogério Albino de Sousa, dono da empresa Maxtec Serviços Gerais e Manutenção Industrial Ltda, como comprador do prédio comercial que está registrado em nome de um laranja.

O negócio teria sido intermediado pelo deputado federal Júnior Lourença, do PL.

Rogério Albino, dono da Maxtec, possui quase R$ 100 milhões em contratos com órgãos públicos e está no epicentro de um iminente escândalo envolvendo dinheiro público.

Rogério Albino de Sousa, dono da Maxtec e o deputado federal Júnior Lourença, do PL.

As suspeitas, agora, estão associadas a negociação de emendas parlamentares envolvendo a bancada maranhense no Congresso.

O esquema criminoso perpassa, ainda, pela prática de agiotagem e também pelo derrame de dinheiro em campanhas eleitorais.

– Esquema

A estrutura de corrupção envolvendo integrante do Câmara e do Senado arrola lobistas maranhenses além da participação de advogados, empresários, contadores, prefeitos e outras figuras do meio político.

Existe, inclusive, uma investigação conjunta dos órgãos de controle e fiscalização de recursos públicos que devem resultar em uma operação para desmontar a organização criminosa com atuação no estado.

3 Comentários

  1. blank Agnaldo do Maiobão disse:

    Domingos, esse Rogério começou com a pavitec na adm de João Castelo. não tinha um pau pra da num gato, hoje esbanja dinheiro e corrupção. Investigue direitinho e vai descobrir fatos pitorescos desse Jabuti.

  2. blank Gerson disse:

    Rogério entrou no esquema de Gardeninha e J.Castelo,com o tapa buracos da extinta Pavitec e prolongamento da av Litorânea. Era corretor de seguros,mais liso do que sabão. Desfila de novo rico e aposta no dinheiro pra se manter na impunidade . O cara posa de empresario mais sabemos que nesse estado o que mais tem é apadrinhamento e desvio de dinheiro público . Ele não aguenta 5 minutos de investigação

  3. blank Paulo Washington B Reis disse:

    Olá, Domingos.
    Peço a gentileza de publicar nota de esclarecimento da Maxtec, em direito de resposta.

    Maxtec tem novos proprietários desde 2018

    Em resposta a postagens de blogs locais a direção da Maxtec Serviços Gerais e Manutenção Industrial Eireli informa em nota que a empresa possui novos proprietários desde 2018. Afirma ainda que a antiga gestão não possui mais qualquer vínculo empregatício ou gerencial com a empresa, e que todos os contratos são regidos pela transparência, ética empresarial e leis de responsabilidade fiscal, social e ambiental. Veja a íntegra da nota.

    Nota de esclarecimento

    Em defesa da verdade e em respeito aos clientes, colaboradores e ao público em geral, a direção da Maxtec Serviços Gerais e Manutenção Industrial Eireli informa que, em 2018, a empresa foi adquirida por novos proprietários, que assumiram desde então o total controle administrativo e a gestão financeira desta conceituada empresa, que atualmente gera mais de 1739 empregos diretos.

    Portanto, desde 2018, o Senhor Rogério Albino não possui mais qualquer vínculo com a empresa, seja ele empregatício ou gerencial. Todos os nossos contratos públicos e privados são regidos pela transparência, ética empresarial e legislações de responsabilidade fiscal, social e ambiental. A direção da empresa está disponível para prestar novas informações e esclarecimentos julgados necessários.
    São Luís/MA, 16 de junho de 2020
    Robert Max Mousinho
    Diretor comercial

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo