07
dez
2017

UNE e UBES homenageiam Assis Filho pela parceria com os movimentos estudantis

Habilidoso e com destaca articulação política nos movimentos sociais, o secretário Nacional de Juventude, Assis Filho, é um dos poucos membros do governo federal que tem mantido um diálogo próximo e permanente com entidades da esquerda, como a UNE e a UBES ligadas ao PC do B.

Nesta quarta-feira (06), a Secretaria Nacional de Juventude (SNJ) foi prestigiada com a visita de representantes da União Nacional dos Estudantes (UNE) e da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES), as duas maiores organizações estudantis do país. Pedro Gorki, presidente da UBES e Bruna Brelaz, diretora de relações institucionais da UNE, reuniram-se com o secretário Nacional de Juventude, Francisco de Assis Costa Filho, e com o presidente e vice-presidente do Conselho Nacional de Juventude (Conjuve), Anderson Pavin Neto e Marcos Barão, respectivamente.

O encontro foi motivado pela entrega de uma placa de homenagem à Secretaria e ao Conjuve, em agradecimento pela colaboração com o movimento estudantil na luta pelo cumprimento dos direitos assegurados pelo Estatuto da Juventude e pelo apoio na realização do 42º Congresso da UBES (CONUBES), que tomou palco em Goiânia de 29 de novembro a 02 de dezembro.

“É importante termos um canal de comunicação com o governo que preze pelo comprometimento com as causas estudantis. Só assim conseguiremos construir políticas públicas de juventude que contemplem as demandas dos estudantes brasileiros”, disse Bruna Brelaz, a respeito da colaboração com a SNJ. A diretora de relações institucionais da UNE também lembrou que o apoio da Secretaria Nacional de Juventude foi fundamental para a realização do 42º CONUBES e que é do interesse da União Nacional dos Estudantes manter o diálogo.

Pedro Gorki, por sua vez, apontou que o apoio da SNJ demonstrou o interesse do governo federal de colaborar com as causas estudantis: “O movimento estudantil é marcado, acima de tudo, pela pluralidade. São milhares de jovens vindos de fundos diferentes e, para construirmos um canal de comunicação saudável com todas essas pessoas, precisamos estar integrados na agenda de políticas públicas”.

Com apenas 16 anos, Gorki é o presidente mais jovem já eleito na história da UBES. Aluno do Instituto Federal do Rio Grande do Norte e nascido na periferia da capital potiguar, ele foi escolhido por milhares de estudantes do ensino fundamental, médio, técnico e preparatório para comandar a União Brasileira dos Estudantes Secundaristas pelos próximos dois anos.

“É com muita alegria que recebemos essa homenagem. A importância das trajetórias da UNE e da UBES na construção do movimento estudantil e na luta por direitos na educação pública brasileira é inegável. Além de compor o Conselho Nacional de Juventude com força representativa, esses movimentos exercem um papel fundamental na política nacional de juventude e o governo se manterá à disposição para o diálogo com todas as forças políticas e movimentos representativos da juventude brasileira. Ficamos muito gratos pelo gesto e esperamos que possamos dialogar cada vez mais em nome do avanço das políticas públicas em juventude no Brasil”, disse Assis Filho, em agradecimento à homenagem.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

CONTAGEM REGRESSIVA

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894