28
nov
2014

Roseana Sarney; Obra mal planejada e inacabada, o povo não quer!

Manifestantes exibem faixa com mensagem cobrando rotatória e acostamento para ônibusNo início da manhã de ontem, quinta-feira 27/11, mais uma vez uma interdição de via pública na MA-203, a Estrada do Araçagi, bloqueada por populares insatisfeitos com o fechamento do retorno de acesso à praia durante a duplicação da rodovia e outras supostas falhas que, segundo eles, foram cometidas na execução do projeto.

Os manifestantes apontaram erros no projeto e alegaram que a obra foi mal planejada. Uma das faixas exibidas pelos manifestantes alertava que a duplicação será inaugurada mesmo estando inacabada.

Os populares reclamaram ainda que a pista é estreita demais, o que deixa o tráfego inseguro, e que os canteiros têm largura exagerada (8 metros). Outro erro apontado foi a falta de acostamento para ônibus. Eles também cobraram asfaltamento até o trevo, onde há interligação entre os municípios de Raposa e Paço do Lumiar.

De acordo com a Secretaria de Estado de Infraestrutura (Sinfra), os serviços custaram aos cofres público, nada menos que R$ 31.167.593,79. Consiste na duplicação da pista em um trecho de três quilômetros, que estende do bairro Araçagi até o entroncamento com a rodovia estadual MA-204, próximo ao Condomínio Alphaville.

Em tempo: A obra é comandada por uma das empresa que mais faturam no governo do Maranhão, a Ducol Engenharia Ltda, de propriedade de Henry Dualibe, primo de Jorge Murad que é  marido da governadora Roseana Sarney.

Leia também:

Roseana contratou a Ducol por R$ 31 milhões para realizar a duplicação da enganação

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo