17
jan
2014

Roberto Rocha fala a prefeitos sobre formação de consórcio municipais em Teresina

RR-2-209x300

Roberto Rocha, presidente nacional da Confederação Nacional de Consórcios Intermunicipais

Ontem 16/01, em Teresina-PI,  o presidente nacional da Confederação Nacional de Consórcios Intermunicipais (Conaci/Br), Roberto Rocha, no seminário de sensibilização para criação de novos consórcios municipais, apresentou para prefeitos do Maranhão e Piauí a importância da formação de consórcio municipais, um trabalho em conjunto que facilita a captação de recursos federais com mais planejamento, força e rapidez.

Durante o seminário, que contou também com a presença do Secretário estadual das Cidades João Alberto, representando o Governador do Piauí, Wilson Martins, o Superintendente Executivo da Conaci-Br (Confederação Nacional de Consórcios Intermunicipais) Ronald Damasceno, falou que as regiões metropolitanas precisam ainda entender a importância desta construção.

“Precisamos ampliar este debate, pois, no Brasil, muitos gestores municipais ainda não abraçaram a ideia. Por isso estamos realizando seminários como este”. E concluiu ainda dizendo que “a formação destes consórcios deve estar acima de interesses partidários”, disse Damasceno.

O presidente da confederação, vice-prefeito de São Luis Roberto Rocha, ressaltou a grande importância dos consórcios como instrumento de gestão municipal. Ele lembrou que, de 2010 para cá, o Brasil tem tido crescimento menor que em anos anteriores, e isso acabou comprometendo o desenvolvimento, principalmente, dos pequenos municípios.

“Os consórcios entram para suprir o vácuo deixado, no que diz respeito ao desenvolvimento regional. Por isso sua grande importância. Com eles, os municípios têm um apoio para implantar projetos em conjunto”, ressaltou.

Roberto lembrou ainda que muitos produtos podem surgir da união de forças. “Em São Luis, da parceria da Prefeitura de São Luís, do Banco do Nordeste e do Cinpra (Consórcio Municipal de Produção e Abastecimento0, nasceu o Banco da Cidade, que já em 2014, deve investir 150 milhões de reais no nascimento de pequenos negócios, através do sistema de microcréditos. E esta ideia é apenas um exemplo do que pode ser feito utilizando-se a figura do consórcio. Municípios consorciados, unidos com um só objetivo, podem encontrar soluções para sua região, em temas como saneamento básico, cultura, produção, educação e até mesmo segurança, que hoje é um tema muito discutido no país”, disse o presidente.

Ao final do encontro, Roberto Rocha convidou todos os presentes a participar do II Congresso Brasileiro de Consórcios Intermunicipais. Segundo ele a intenção é levar este assunto para a agenda política de 2014, fazendo com que se torne um assunto prioritário nas discussões políticas dos principais candidatos à presidência, que serão convidados para o evento. O encontro deve ter, além de plenárias gerais, mesas temáticas com a participação, inclusive, de técnicos do governo federal.

O congresso será realizado em abril na cidade de São Luís com a participação de representantes de mais de 3 mil consórcios municipais de todo país.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

 

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo