04
jul
2017

Repórter investigativo revela localização dos corpos dos PM’s assassinados em Buriticupu

Reportagem aponta que os mandantes do crime seriam um coronel da PM, um empresário madeireiro e um político da região, com nomes ainda não revelados.

abo Júlio César e do soldado Carlos Alberto, desaparecidos há mais de seis meses; Conclusão óbvia? Executados!

Corpos do Cabo Júlio César e do soldado Carlos Alberto, estariam próximo da Povoado Faísa…

De acordo com post revelador do Blog SJnotíciasMA, editado pelo radialista e repórter investigativo Stenio Johnny, que possui tramite na Secretaria de Segurança, além da participação do tenente Josuel Alves de Aguiar e dos soldados Tiago Viana Gonçalves e Gladstone de Sousa outros militares, empresário e político também estão envolvidos no assassinato do Cabo Júlio César da Luz Pereira e do soldado Carlos Alberto Constantino Sousa, que sumiram desde o dia 17 de novembro de 2016.

Segundo o repórter investigativo, um coronel que já responde por outro processo disciplinar na PM-MA, um empresário madeireiro e um político da região, os três com nomes ainda não revelados seriam os mandantes do crime.

Ainda de acordo com o post, existem pessoas com alto poder de influência protegendo os militares bem como o madeireiro e o político envolvido no caso.

Os PM’s presos acusados de serem os executores estariam sendo orientados a não falar nada, se limitando apenas a negar participação no crime. Tanto, que um dos policiais presos ao ameaçar delatar todo o esquema ganhou do Tribunal de Justiça um Habeas Corpus determinando sua soltura no último dia 14 de junho.

– Corpos dos Policiais

1-Tenente Josuel; 2-soldado Tiago Viana e 3-soldado Glaydstone…

1-Josuel; 2- Tiago e 3-Glaydstone seriam os executores, que atenderam ordem dos mandantes…

Os corpos dos policiais ainda não encontrados pela equipe de investigação da Secretaria de Segurança Pública, segundo o SJnotíciasMA, estariam enterrados em um carro dentro de um buraco num povoado próximo da localidade Faísa, onde o vereador de Santa Luzia, Vavá (PCdoB), foi assassinado em maio de 2015.

O repórter Stenio Johnny revela também que outro envolvido é o Major Arão Queiroz, que possui grande proteção política e, exatamente por essa blindagem externa em favor dele, até hoje não foi expedido nenhum mandado de prisão.

Por fim, a reportagem reveladora (veja a integra AQUI) diz que dada a complexidade do caso, a família dos militares assassinados enviou uma carta ao Ministro da Justiça solicitando participação da Policia Federal nas investigações.

  • LEIA TAMBÉM:

– SSP-MA busca localizar restos mortais de PM’s que sumiram em Buriticupu

– Divisão de vantagens resultante de roubos e extorsões motivou ‘sumiço’ de PM’s, em Buriticupu

– ÁUDIO: Policiais desaparecidos lideravam assaltos e tráficos em Buriticupu, diz professora

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo