Dr. Ataide Júnior em declaração de apoio ao Dr. Rafael Nunes da Chapa 02.

– Por Dr. Ataide Aires Júnior

A última vez que me pronunciei sobre as eleições de uma das entidades de classe da qual faço parte, como profissional, neste caso o Conselho Regional de Odontologia do Maranhão, foi nas eleições do ano de 2005, quando votei na época apoiando a chapa do então Presidente, Prof. Ataide Mendes Aires.

De lá pra cá já se passaram uns sete pleitos, e a minha postura foi de neutralidade, e de não optar por nenhuma das chapas, democraticamente um direito constitucional de não escolher quaisquer dos candidatos, embora conhecesse todos, seja como amigos, como professores ou pessoas do convívio que a profissão nos permitiu nos relacionar.

Falo isto porque após todo esse tempo, hoje pela primeira vez, resolvi tomar partido e declarar o apoio a uma das chapas que concorrem ao pleito, na eleição que acontecerá amanhã, dia 11/01. 

Declaro abertamente meu apoio a Chapa 02, em especial ao nome do Dr. Rafael Nunes, com convicção, responsabilidade e acima de tudo clamando por renovação da política classista, digo Renovação!!! não apenas a mudança, porque acho que os tempos atuais exigem Renovar, para mudar, apostando na juventude que a classe tem formado, mas acima de tudo, respeitando todos aqueles que de alguma forma contribuíram com nossa entidade ao longo dos anos passados.

Peço aos amigos, colegas de profissão, colegas de trabalho e aos demais dentistas do Maranhão, que assim como eu, querem uma gestão mais aberta ao diálogo e ao apoio a nós profissionais, que acreditem e VOTEM na CHAPA 02.

Vamos a vitória neste dia 11 de janeiro de 2019. Conto com o apoio de todos vocês. Forte abraço a todos. Viva o CRO !!! Viva a Odontologia !!!

IMPORTANTE LEMBRAR 

A votação on line começa a 0h do dia 11 e se encerra às 20h. A votação presencial na sede do CRO começa às 8h e termina às 17h.

Após perder a compostura nas redes sociais ao atacar o deputado federal eleito Márcio Jerry (PCdoB), o deputado estadual Adriano Sarney (PV) foi alvo dos internautas, que bombardearam o neto de José Sarney no Twitter nesta quarta-feira (9).

Adriano ficou furioso ao saber da participação de Jerry em reunião com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas. Para o herdeiro do clã Sarney, Jerry não deve participar de reuniões com membros do governo Federal por “fazer oposição” à gestão Jair Bolsonaro (PSL).

“A temporada de moleza comunista no Maranhão acabou”, resmungou Adriano Sarney. Mas a mensagem não passou incólume e tuítes ácidos de internautas maranhenses calaram Adriano.

“Graças ao meu governador Flávio Dino acabou foi a mamata da sua família. Procura tomar vergonha na cara, cabra…”, respondeu Lore Fernandes.

“Governador Flávio Dino, dê uma palmadas na bunda desse filhote de corrupto”, ironizou outro internauta.

“Uma p

essoa de sobrenome Sarney falando em moleza”, questionou Lucas Coelho.

Lula do Maranhão

Hoje defensor de Bolsonaro, Adriano Sarney chegou a chamar sua tia Roseana de “A Lula do Maranhão”, durante comício no interior do estado.

Veja outros tuítes que emudeceram o herdeiro da família Sarney:

 

Ministro Humberto Martins, Corregedor Nacional de Justiça (CNJ).

O Ministro Humberto Martins, Corregedor Nacional de Justiça (CNJ), determinou que a Corregedoria-Geral de Justiça do Estado do Maranhão instaure procedimentos disciplinares em todos cartórios da cidade de Imperatriz, contemplando o 1º, 2º, 3º, 4º, 5º, 6º e 7º Ofícios Extrajudiciais e Serventia de Distribuição.

A decisão atende a um pedido de providência ajuizado por Felipe Antônio Ramos de Souza que cobra dos cartórios comprovação do recolhimento de ISSQN (Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza) nos últimos 5 (cinco) anos e, ainda, que seja apurado a eventual responsabilidade quanto à sonegação fiscal.

Na decisão, Humberto Martins sustenta que a simples cobrança dos tributos decorrentes da prática dos atos notariais já impõe a responsabilidade dos delegatários do seu recolhimento. “Constata-se que o recolhimento dos tributos dos atos praticados pela serventia é dever dos delegatários, não sendo possível o descumprimento da referida norma legal. Portanto, incabível a alegação de não recolhimento de tributo devidamente cobrado e não recolhido sob suposta ausência de hipótese de incidência.” Argumenta o Corregedor do CNJ.

Humberto determina que a contar da intimação da decisão, a Corregedoria Geral de Justiça do Estado do Maranhão fiscalize mensalmente o recolhimento do ISSQN a ser cobrado nos atos praticados, instaurando procedimentos disciplinares em razão do descumprimento da obrigação legal.

“Ante o exposto, JULGO PARCIALMENTE procedente o pedido de procedência para determinar à Corregedoria-Geral de Justiça do Estado do Maranhão a instauração de procedimentos disciplinares em face dos delegatários que, apesar de estarem questionando judicialmente os critérios de incidência no ISSQN, efetuaram a cobrança do imposto nos atos praticados pela serventia, deixando de recolhê-los aos cofres da municipalidade, violando disposição legal expressa contida no art. 30 XI, da Lei nº 8.935/94.” Decide o Corregedor.

Martins ainda estipula o prazo de três meses para a CGJ/MA concluir os procedimentos disciplinares contra os cartórios imperatrizenses. “Concedo o prazo de 60 (sessenta) dias a Corregedoria de Justiça do Estado do Maranhão para conclusão dos procedimentos disciplinares instaurados em desfavor dos delegatórios responsáveis pelas serventias”. Conclui.

– ABAIXO A ÍNTEGRA DA DECISÃO:

Encontro pretende mostrar força de Erlanio Xavier…

O pedetista prefeito de Igarapé Grande, Erlanio Xavier, que concorre a presidência da Federação dos Municípios Maranhenses (FAMEM) está organizando uma mega reunião para a próxima quarta-feira (16) na qual pretende fechar apoio de mais de 120 prefeitos de todos os cantos do Estado.

O mega encontro acontecerá em um auditório do Rio Poty Hotel, em São Luís. E está previsto para começar no final da tarde, por volta das 17h.

No convite que vazou e o Blog do Domingos Costa conseguiu antecipar (abaixo), Erlanio intitula o encontro de “A FAMEM É NOSSA”, e adianta o nome da sua chapa, que se chamará “Humberto Coutinho”, a mesma intitulação usada pelo atual presidente da entidade Cleomar Tema, em janeiro de 2017, última vez que se elegeu à frente da Federação.

O principal objetivo do encontro é mostrar força e deixar claro que Xavier possui apoio do maior número de prefeitos maranhenses. Em segundo plano, o sucesso do encontro também tem foco na possível desistência de Tema, que anunciou que irá concorrer a reeleição na Famem.

“O Erlanio Xavier busca uma chapa consensual para não haver uma disputa encarniçada entre aliados do grupo político do governador Flávio Dino”, disse Gleydson Rezende, prefeito de Barão de Grajáu e um dos organizadores do evento.

Juscelino explicou a necessidade de investimentos na saúde pública de vários municípios já a partir de 2019.

Com o objetivo de consolidar parcerias para o Maranhão, o deputado federal Juscelino Filho (DEM) esteve reunido, nesta quarta-feira (9), com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta. No encontro, o parlamentar maranhense apresentou algumas demandas importantes para melhorar a saúde pública do Estado, que foram muito bem aceitas pelo ministro.

Juscelino explicou ao ministro a necessidade de investimentos na saúde pública de vários municípios já a partir de 2019. Os recursos solicitados pelo presidente estadual do Democratas seriam aplicados tanto na manutenção de hospitais e quanto na saúde básica.

“A reunião com o novo ministro da Saúde e grande amigo Luiz Henrique Mandetta, foi excelente. Tratamos da situação de diversos municípios do nosso Estado, sobre como conseguir mais investimentos em hospitais e na saúde básica, sobre vacinação e recuperação de hospitais. Com certeza ele será o nosso maior parceiro para melhorarmos a saúde do nosso Maranhão”, comentou o deputado maranhense.

Infraestrutura

O parlamentar democrata mostrou-se otimista com os resultados da reunião.

Também nesta quarta-feira, o deputado Juscelino Filho se reuniu com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, e outros parlamentares da bancada federal do Maranhão. Em pauta, alguns pontos importantes: a retomada da obra da BR-135, a recuperação emergencial do trecho entre Miranda do Norte e São Mateus e soluções para as obras das BRs 226 e 010.

O parlamentar democrata mostrou-se otimista com os resultados da reunião.

“O novo ministro se comprometeu a fazer uma reanálise de todo o orçamento disponível e aplicado. Ele reconhece a importância de construir as soluções para essas dificuldades em conjunto com a bancada maranhense e destacou a importância da duplicação, devido ao tráfego, redução de acidentes e escoamento da população, principalmente. Saímos da reunião otimistas”, concluiu Juscelino Filho.

Secretaria de infraestrutura , tem sido a principal pasta do prefeito Luciano e que em 2019 será a que mais terá investimentos

Como anunciado no fim de 2018, o prefeito de Pinheiro, Luciano Genésio, realiza a reforma administrativa, visando uma melhor organização da prefeitura, e claro, enxugando a casa. A mudança aconteceu no primeiro escalão de secretariado.

Nós estamos a cada dia trabalhando com expectativa de melhorar cada vez mais a nossa cidade de Pinheiro. A gente analisa muito, tudo o que acontece ao redor da gente, na hora que tiver que mexer, a gente mexe, quem ”tá” saindo, não ta saindo do governo, vai para outra função. Assim vamos construindo uma equipe, e principalmente, um grupo unido em prol de um único objetivo que é a nossa reeleição”, declarou o prefeito Luciano.

Fred Lobato deixa a Secretaria de Governo e assume a Secretaria Municipal de Saúde, no lugar de Lucyane Freitas, que passa a ser assessora da pasta encabeçada por Fred.

”Eu recebo essa secretaria de saúde com muita tranquilidade, com muita serenidade e acima de tudo, responsabilidade. Essa secretaria é uma caixa de surpresa, ela pode ser o ápice de uma gestão, mas como pode ser um ponto negativo”, afirmou Fred Lobato, novo secretário de saúde do município.

Já na Secretaria de Governo e Articulação Política, assume Anselmo Milton Cruz Sá, pasta comandada anteriormente por Fred Lobato.

”A gente recebe com entusiamo, temos a intenção de trabalhar com todos os secretários e todos os vereadores, que a gente possa desenvolver esse trabalho, de forma que venha contento a todos e que possamos ajudar o prefeito Luciano a alcançar suas metas para o ano de 2019”, declarou Milton.

Uma das mais importantes da gestão municipal, a Secretaria de Infraestrutura- comandada anteriormente por Rafael Cordeiro, filho do vice-prefeito Stélio Cordeiro-, tem sido a principal pasta do prefeito Luciano e que em 2019 será a que mais terá investimentos, e João batista Segundo tem a responsabilidade de tocar essa secretaria em 2019 e claro, com a plena confiança.

”O prefeito Luciano me fez esse convite para o ajudar na construção de uma nova Pinheiro, e como ele disse que quer fazer este ano o ano da infraestrutura. Afirmou.

Carlos Brandão e bancada maranhense buscaram soluções para rodovias federais que cortam o Maranhão.

Amistosidade e unidade marcaram o primeiro encontro da bancada federal maranhense com o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Freitas, nesta quarta-feira (9). O governador interino, Carlos Brandão, que liderou o encontro, esteve acompanhado, além de deputados federais e recém-eleitos, da senadora eleita Eliziane Gama, dos prefeitos Cleomar Tema (Tuntum) e Sidrack Feitosa (Morros), e de membros do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). Juntos, dialogaram sobre a obra para concluir a duplicação da BR-135.

Carlos Brandão e os demais presentes apresentaram questões importantes para a conclusão do serviço, como: urgência na resolutividade da logística para distribuição de produtos, com a chegada de novos investimentos internacionais para o Maranhão; trechos intrafegáveis (de Miranda a São Mateus, por exemplo); além do fato do Maranhão hoje ter a única capital brasileira sem uma BR principal de escoamento finalizada, por conta da duplicação que ainda não foi concluída.

Outro ponto importante foi a abordagem da problemática histórica da BR-226. Muitos destacaram que a rodovia federal, além de nunca ter tido avanço em sua concretização, está há dois anos sem manutenção e representa um grande problema para o Maranhão e outros estados que dela dependem para trafegar e escoar suas produções, como é o caso do Tocantins e do Rio Grande do Norte.

Dois aspectos delicados foram abordados pela comitiva maranhense durante a reunião com o ministro, que pediu atenção especial das autoridades federais para a questão das comunidades tradicionais quilombolas que se localizam ao longo da área de construção da duplicação; além da inexequibilidade das obras por questões de licitação e orçamento para isso. Também foram abordados os problemas derivados do abandono das obras, incluindo os de responsabilidade da Hytec Construções Terraplanagem na BR-226.

Soluções viáveis

O ministro Tarcísio Freitas se mostrou interessado em resolver todas as questões o quanto antes. “É uma honra, uma alegria muito grande receber a bancada maranhense. A alocação do financiamento para continuação das obras será negociada. A estratégia: concentrar a estrutura em uma ação. Por isso, sentar com a bancada é tão importante”, ressaltou o ministro.

Na ocasião, ele esclareceu que as malhas viárias possuem níveis diferentes de demandas e recursos. Os trechos muito prejudicados serão priorizados, dentro da perspectiva dos recursos disponíveis para esse ano. Por fim, Tarcísio Freitas destacou que o Maranhão leva vantagem nas atenções do Ministério pela capacidade futura de escoar produtos para o restante do Brasil. “Quero registrar o excelente trabalho desenvolvido pela Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap). O Maranhão é expoente e tem se preparado para ter um grande destaque na logística portuária e rodoviária de nosso país”, afirmou.

O ministro destacou que a oitiva prévia das comunidades quilombolas deve ser atendida; e que as resoluções para os impasses na conclusão da BR-135 serão realizadas em conjunto com a gestão estadual, sendo o primeiro passo a intermediação do licenciamento ambiental pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (Sema). O governador interino destacou que a Sema dará a celeridade necessária na análise do licenciamento para que o governo federal faça a sua parte. “A Sema dará o conforto para o DNIT reiniciar os seus trabalhos”, ponderou Carlos Brandão.

Quanto ao processo de conclusão da BR-226, tão debatida e cobrada ao longo dos anos por gestores municipais e até mesmo por Carlos Brandão, no período em que esteve na Câmara Federal, o ministro Tarcísio Freitas foi categórico: “Seremos intolerantes com empresas com adimplemento de contrato”. Ele reconheceu que, no caso das obras da BR-226, o orçamento era inexequível. “Estudaremos a atuação da Hytec Construções Terraplanagem e tomaremos as medidas legalmente cabíveis”, garantiu.

Especulado por setores tendenciosos da imprensa maranhense como grande nome do Ministério da Saúde, o médico paraense Allan Garcês que disputou assento na Câmara Federal pelo Maranhão em 2018 e obteve pouco mais de 20 mil votos filiado ao PSL, surgiu nesta quarta-feira (09) no Diário Oficial da União.

Para os que gritavam aos quatro cantos que Garcês iria posar em um cargo expressivo no Ministério de Henrique Mandetta, tiveram de se contentar apenas com o terceiro – beirando o quarto – escalão no governo Bolsonaro. Allan foi nomeado como diretor do Departamento de Articulação Interfederativa da Secretaria-Executiva do MS.

Em termos mais claros: baixíssimo clero! E ainda quer disputar a prefeitura de São Luís em 2020, vê se pode…

– Do deputado federal Aluísio Mendes (Podemos) no fim de semana, na cidade de Tuntum, participando de várias inaugurações. Em uma entrevista que falava sobre o dia festivo na cidade, o deputado teceu vários elogios ao governador Flávio Dino (PCdoB). Presidente do Podemos no Maranhão, Mendes é ex-secretário de Segurança Pública no governo de Roseana Sarney e ex-segurança de José Sarney. 

Policial Militar Hamilton Caires Linhares disse que sua arma sumiu…

O Polícia Militar, Hamilton Caires Linhares, lotado na Companhia de Operações Especiais (COE), apontado como um dos envolvidos na chacina de três adolescentes na zona rural de São Luís no último dia 03/01, disse em depoimento que sua arma simplesmente desapareceu.

Essa versão de Hamilton sobre o sumiço da pistola usada no dia-a-dia e que pertence a Polícia Militar do Maranhão reforça a suspeita que ele tenha sido o autor dos tiros contra as três vítimas assassinadas, os adolescentes Gustavo Feitosa Monroe, de 18 anos; Joanderson da Silva Muniz, 17; e Gildean Castro Silva, 14.

Os três foram encontrados mortos, por moradores, dentro de um matagal, próximo a uma área na qual estão sendo construídas residências do “Minha Casa, Minha Vida”, na comunidade do Mato Grosso – nas proximidades do Coquilho, região do bairro Santa Bárbara, na zona rural de São Luís.

Eles teriam sido perseguidos no interior do condomínio pela equipe de vigilância do local. A informação foi confirmada na segunda-feira (7) pelo delegado Lúcio Rogério Reis, da Superintendência de Homicídios e Proteção a Pessoa (SHPP).

De acordo com o delegado, as vítimas teriam sido cercadas em uma área de matagal e um disparo teria sido ouvido. Até o momento, 12 pessoas já foram ouvidas e a expectativa é de que ainda nesta segunda os nomes dos principais suspeitos sejam divulgados.

1 3 4 5 6 7 1.024

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894
Celular: (98) 98160-1081

RÁDIO TIMBIRA

https://www.ma.gov.br/wp-content/uploads/2018/07/Timbira-Banner-player-2018.gif?w=700

Publicidade