Edição do Diário Oficial do Município de Bacabal do último dia 07 de janeiro traz um contrato recheado de suspeita, celebrando entre o prefeito Edvan Brandão (PSC) e uma empresa de nome M. Lima Santos, registrada na Rodovia BR 316, KM 361, nº 10, bairro da Cohabinha.

De acordo com o documento, o prefeito contratou a firma para “aquisição de peças e acessórios de automóveis destinados a manutenção de frota de veículos automotivos das secretarias municipais.”

Acontece que as secretarias da prefeitura de Bacabal não possuem frota de veículos. Isto é, as suspeitas apontam para um contrato de fachada com a única e exclusiva finalidade de lavar dinheiro público do contribuinte.

Uma simples investigação dos órgãos de controle e fiscalização de recursos públicos consegue identificar que os fraudadores utilizaram-se da prática de notas fiscais fictícias ou “frias”, que são aquelas nas quais os serviços declarados não são prestados ou os produtos discriminados não são entregues.

O empresário Rubens Menin, fundador e presidente do conselho da construtora MRV, vai trazer para o Brasil a operação do canal de notícias CNN.

A empresa, de capital brasileiro, terá Douglas Tavolaro, ex-Rede Record, como presidente. O grupo nacional, que terá o licenciamento da marca americana no País, terá um canal de notícias 24 horas a ser transmitido por meio de TV por assinatura e por plataformas digitais.

O objetivo da companhia é que o novo projeto esteja em operação no início do segundo semestre de 2019. O trabalho de preparação do canal e do site começa imediatamente, com previsão de contratação de 400 jornalistas.

Nesta quinta-feira (17), o governador do Maranhão será entrevistado no programa ‘Diálogos’, com o jornalista Mário Sérgio Conti, da GloboNews, às 23h de Brasília (22h horário local). Essa é só mais uma prova do quanto a voz de Flávio Dino tem repercutido em meio aos obscurantismos que cercam o novo governo federal.

Das sete pessoas presas acusadas de envolvimento em clonagem de celulares de prefeitos e prática de estelionato e associação criminosa, o nome da publicitária Anielle Raina Barreto Grangeiro é o mais destacado.

Ela foi candidata a deputada estadual ano passado pelo PRTB e obteve 158 votos. Em seus perfis nas redes sociais, Aniele deixa claro sua opção política pela família Sarney, em especial o ex-senador José Sarney, político que ela exibe grande proximidade, pelo menos na internet. São inúmeras fotos ao lado do líder do clã maranhense.

E MAIS…

Foram apresentados na manhã desta quarta-feira (16), Aniele e mais seis pessoas acusadas de envolvimento com estelionato e associação criminosa. De acordo com a Polícia Civil, a quadrilha é acusada de clonar números de chips de celulares, depois utilizavam aplicativos de trocas de mensagens e entravam em contato com familiares e amigos das vítimas para pedir transferências bancárias. O grupo criminoso fez vítimas em vários municípios do Maranhão, incluindo políticos. Entre as vítimas estão sete prefeitos maranhenses e há suspeitas de alguns prefeitos de cidades do Estado do Paraná. Estima-se que o prejuízo gire em torno de R$ 200 mil. Os presos são José Jorge Xavier Alves; Lottas Mateus Ribeiro Caldas; Hallen Devid Cosmo do Nascimento; Bruno Nascimento Alves de Morais; Marcos Aurélio Santos Freitas Filho; Márcia Sebastiana Sousa de Jesus e Anniele Raina Barreto Granjeiro.

Nada menos que 130 prefeitos participaram do lançamento da candidatura do prefeito de Igarapé Grande, Erlânio  Xavier (PDT) à presidência da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM) para o biênio 2019-2020. O evento realizado no Rio Poty Hotel trouxe a público a chapa Humberto Coutinho, composta também por aliados do pedetista. Antes do evento, na coletiva de imprensa, Erlânio deixou claro que segue tentando uma eleição consensual com o atual presidente, Cleomar Tema, vez que ambos são aliados do governador Flávio Dino.

Mazinho Leite mantinha um relacionamento extraconjugal com a esposa do secretário de Saúde e, mancomunado com ela, mandou matá-lo assim que o caso foi descoberto.

Prefeito Mazinho Leite tramou junto com a amante, advogada Edna Maria – então Procuradora do Município – a morte do secretário de Saúde Rolmerson Robson.

A Polícia Civil diz não restar dúvida que o prefeito de Cândido Mendes, José Ribamar Leite Araújo, o Mazinho (PP), atuou como mandante do assassinato de Rolmerson Robson, então secretário de Saúde do município. O crime ocorreu no dia 21 de fevereiro de 2014 em uma emboscada quando a vítima dirigia pela estrada que liga a sede da cidade ao povoado Águas Belas.

Rolmerson  foi morto com três tiros: um no ombro, outro no pescoço e o terceiro na nuca. Então titular da Saúde de Cândido Mendes na primeira gestão de Mazinho Leite, Robson era casado com a advogada Edna Maria Cunha de Andrade. As investigações apontam que o prefeito agiu de forma orquestrada com a esposa do ex-secretário, na época Procurado do município, após a descoberta de um relacionamento extraconjugal dela com o gestor da cidade.

No dia 03 de agosto de 2018 o Blog do Domingos Costa publicou post no qual revelou que a Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) do Maranhão tinha instaurado um Procedimento Investigatório Criminal (PIC) para apurar se o prefeito atuou como mandante do assassinato de Rolmerson (LEMBRE).

– Prisão

Ney era funcionário da secretaria de Saúde e é apontado pela polícia como autor dos tiros por ordem do prefeito Mazinho Leite.

Na manhã desta quarta-feira (16), a Polícia Civil do Maranhão cumpriu em São Luís mandado de prisão em desfavor de Ney Moreira Castro, na época do assassinato ele era funcionário da secretaria municipal de Saúde.

As investigações apontam para Ney como o autor dos tiros que ceifaram a vida de Rolmerson Robson. No seu depoimento, o acusado apresentou versões conflitantes ao longo do inquérito policial.

De acordo com o delegado Guilherme Souza Filho, os exames periciais foram decisivos para elucidar o caso, pois apresentaram comprovações que os tiros contra o secretário foram disparados do banco de trás de dentro do veículo que ele se encontrava, e não por pistoleiros que o abordaram em um motocicleta como alegaram as duas únicas testemunhas oculares, no caso, Ney Moreira e a advogada Edna Maria.

A consequência da reprovação de contas pode resultar na inelegibilidade do prefeito já para as eleições de 2020.

Autointitulado como paladino da honestidade e homem dos bons costumes, o prefeito do município de São Pedro dos Crentes, Lahesio Rodrigues do Bonfim (PSDB), teve análise de prestação de conta reprovada por dano erário público.

A informação foi publicada no Diário Oficial do último dia 07 de janeiro e diz respeito a um processo administrativo relativo ao convênio firmando entre a prefeitura local e a Secretaria de Estado da Cultura para realização do “carnaval 2017”.

“Constatamos a ocorrência de irregularidades que configuram prejuízo ao Erário. Sendo assim, considera-se REPROVADA a presente a prestação de contas, motivo pelo qual deverão ser tomadas as providências visando à recomposição do Erário pela via administrativa ou mediante Tomada de Conta Especial”, diz o documento que ‘sentencia’ o médico prefeito.

A consequência da reprovação de contas do Convênio no valor de pouco mais de R$ 51 mil reais pode resultar na inelegibilidade do prefeito já para as eleições municipais de 2020.

E MAIS…

Lahesio, que em diversos vídeos se diz “mãos limpas” é o mesmo que ficou conhecido a nível estadual ao fazer um discurso inflamado ainda na pré-campanha de 2018 na casa do ex-senador José Sarney, no Calhau em São Luís, no qual fez um juramento que caso o governador Flávio Dino fosse reeleito ele renunciaria o mandato. Até hoje o Maranhão espera Rodrigues do Bonfim honrar as suas palavras…

– LEIA TAMBÉM:

– VÍDEO: Quando o prefeito de São Pedro dos Crentes vai renunciar mesmo?

– Ministério Público investiga prefeito de São Pedro dos Crentes

Governador Flávio participa da solenidade de lançamento da primeira etapa do Programa; Mais de 1.700 novas famílias foram beneficiadas com o programa na Grande São Luís.

Desde a segunda-feira (14), o Governo do Maranhão iniciou as inscrições para a 2ª edição do programa Cheque Minha Casa. A iniciativa é destinada às famílias de baixa renda, com o objetivo de apoiar a reforma, ampliação ou melhoria de unidades habitacionais já existentes, com prioridade para as instalações sanitárias do imóvel.

Desta vez, o programa pretende beneficiar quatro mil famílias residentes na Região Metropolitana da Grande São Luís, que abrange 13 municípios: Alcântara, Axixá, Bacabeira, Cachoeira Grande, Icatu, Morros, Paço do Lumiar, Presidente Juscelino, Rosário, Raposa, São José de Ribamar, Santa Rita e São Luís.

As inscrições serão realizadas, exclusivamente, via internet, por meio do preenchimento de formulário eletrônico próprio, que estará disponível a partir desta segunda-feira até às 23h59 do dia 15 de março deste ano, clicando aqui. O link também poderá ser acessado no site do Governo do Estado e da Secretaria de Estado das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Secid), órgão responsável pela gestão do Cheque Minha Casa.

“Este programa é inovador porque permite que as pessoas melhorem as suas moradias mediante um benefício de R$ 5 mil a custo zero, a pessoa não paga nada. E também propicia o aquecimento da economia gerando emprego e renda”, enfatizou a secretária Flávia Alexandrina.

Pelo programa, as famílias serão beneficiadas com o valor de R$ 5 mil, em duas parcelas, cada uma no valor de R$ 2.500 para compra de material de construção destinado a reforma, ampliação ou melhoria de unidades habitacionais existentes, com prioridade para as instalações sanitárias do imóvel. As compras devem ser realizadas nas lojas credenciadas.

Os critérios para participar do processo são ter renda familiar mensal não superior a três salários mínimos; não possuir outro imóvel; ser maior de 18 anos ou emancipado; ter família constituída de, no mínimo, dois integrantes; comprovar vínculo de residência de no mínimo três anos e não ter sido beneficiado no Programa Cheque Minha Casa nos anos de 2017 e 2018.

Prazos do programa

O período de inscrição para o Programa Cheque Minha Casa iniciará no dia 14 de janeiro e encerra no dia 15 de março deste ano. A divulgação dos pré-selecionados será feita no dia 27 de março; enquanto que a convocação dos pré-selecionados para apresentação da documentação está marcada para o dia 8 de abril.

Mais informações

Mais informações sobre o Chamamento Público da 2ª Edição do Programa Cheque Minha Casa estarão disponíveis no site do programa (http://chequeminhacasa.secid.ma.gov.br); pelos telefones (98) 99234-6942 e (98) 99235-7633 (Assessoria de Imprensa); além da sede da Secretaria das Cidades e Desenvolvimento Urbano (Sedes), na Av. Getúlio Vargas, nº1905, Monte Castelo, São Luís-MA.

– Do  Secretário de Estado de Industria, Comércio e Energia, Simplício Araújo, nesta terça-feira (16) sobre boatos que a quebra do supermercado tenha relação com a lei que incentiva a implantação de centro atacadistas no Maranhão. 

1 2 3 4 1.024

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894
Celular: (98) 98160-1081

RÁDIO TIMBIRA

https://www.ma.gov.br/wp-content/uploads/2018/07/Timbira-Banner-player-2018.gif?w=700

Publicidade