Deputado Pinto Itamaraty recebe homenagem do Reitor da UFMA Natalino Salgado

O Deputado Federal Pinto Itamaraty(PSDB) recebeu homenagem da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) ontem 05/11, durante a Inauguração dos Prédios da Gráfica e Editora (EDUFMA). O parlamentar destinou emenda no valor de R$ 1.500.000,00 (Um milhão e meio de reais) para a construção de uma nova estrutura física dos prédios universitários.

As obras garantiram melhorias nos ambientes de trabalho. Atualmente, a gráfica produz mais de 720 mil impressos. Já a Editora em seus 25 anos publicou mais de 300 obras.

“O melhor investimento é aquele que é feito na educação. Tenho certeza que a reforma na gráfica e na editora da universidade vão ajudar na disseminação do conhecimento ao povo maranhense” disse o Deputado Pinto Itamaraty. Além deste valor que permitiu a conclusão da obra, o deputado garantiu mais R$ 1.000.000,00 (Um milhão de reais) em benefÍcio do ensino universitário.

O evento contou com a presença do reitor Natalino Salgado, do diretor da Gráfica Universitária; Ezequiel Antônio Silva Filho, do diretor da Editora Universitária, o professor Sanatiel Pereira; do diretor da TV Universitária, Silvano Silva; do Presidente da Associação Maranhense de Letras, Benedito Buzar e, claro, dos Deputados Federais Pinto Itamaraty e Carlos Brandão que destinaram emendas individuais e de bancada, contribuindo, assim, para a concretização desse espaço privilegiado na UFMA.

“Agradeço aos Deputados, que eleitos pelo povo, honram seu mandato, colaborando com a educação maranhense” afirmou na solenidade o Reitor Natalino Salgado.

Por José Reinaldo Tavares

ZeReinaldo20É muito difícil para qualquer um, por mais experiente que seja, falar de coisas em que não acredita. Acaba por se trair. Foi o que aconteceu com o experiente deputado Sarney Filho, quando tentava mostrar em discurso na Câmara que o Maranhão governado por sua irmã Roseana Sarney estava “bombando” de tanto progresso. No fim de sua fala, contudo, acabou cometendo um sintomático “ato falho”, usando o bom jargão psicanalítico, quando, muito empolgado, comparou o estado a um caminhão descendo uma ladeira. Sem freios, completou a oposição.

Tudo começou com uma palestra do ministro Ricardo Paes de Barros em São Luís, formulada para tentar atender a uma solicitação do senador José Sarney, que busca há tempos uma desculpa para a terrível situação do Maranhão, pior estado da federação em todos os parâmetros sociais. O ministro é persona mui grata, velho colaborador da família, para quem trabalhou como consultor contratado por diversas vezes.

Com efeito, Paes de Barros na verdade fez uma análise de pretensos resultados da Bolsa Família, programa inteiramente do governo federal. E passou por cima de uma polêmica, ao afirmar que uma renda de R$ 70 por mês tira o cidadão da extrema pobreza. Esse dado não é muito bem aceito pelos estudiosos, já que é oriundo de uma leitura ultrapassada de uma definição dada pela ONU, em que uma renda de 50 dólares por mês separaria a extrema pobreza da pobreza. O problema é que, quando isso foi estabelecido, a quantia de cinquenta dólares equivalia a R$ 70 e nunca mais foi corrigido ou atualizado. Se fosse, esse valor seria de R$ 110, já que o dólar equivale hoje a mais ou menos R$ 2,20.

Resultado disso é que muitas dessas pessoas na verdade continuavam na situação de pobreza absoluta e estariam ganhando com o Bolsa Família menos que o equivalente aos cinquenta dólares, comparados ao paradigma dos R$ 70 que querem passar-nos como verdade.

Apenas marketing. A situação não se alterou em nada porque os indicadores não mudaram. É incrível a falta de seriedade que domina o país. Se não concordar, tente viver com R$ 70 por mês…

Vejam o que disse um grande estudioso do assunto ao tomar conhecimento desse discurso:

“Ricardo Paes, se fez um pronunciamento desses, está muito mais preocupado é em preservar o emprego. Uma pena que use a inteligência para mostrar informações que não encontramos. Não sei de onde saíram essas informações. A Pnad não desce a detalhes assim. Informações de municípios somente são disponíveis nos Censos Demográficos. E lá, mostra a realidade que lhe passei naquele texto que vai ser publicado em livro. O rapaz, deputado, está delirando. O amigo conhece melhor esses números de estradas e de hospitais do que eu e tem mostrado que tudo isso não passa de falácia. Dois leitos por mil habitantes é delírio. Até porque os hospitais quando foram construídos, não têm como funcionar.

Ele fala no potencial agrícola do Maranhão, mas a secretaria que trata da agricultura familiar virou penduricalho de uma Secretaria de Ação Social e os agrônomos, veterinários e técnicos agrícolas passam o tempo todo cadastrando pessoas para o Bolsa Família. Assistência técnica inexiste. Produção de alimentos em curva descendente.

Agora os culpados pelo atraso do Maranhão são os cearenses, paraibanos, baianos, potiguares que migraram para aí por causa da seca. Isso aconteceu ainda nos anos 1960 e 70. Agora são os maranhenses que abandonam o estado. Um desfile de fantasias.”

É isso que dar tentar criar factoides e pretensas estatísticas a favor de uma tese. O senador José Sarney luta desesperadamente para conseguir mostrar – na televisão, pelo menos – que o Maranhão está muito bem e que o que é divulgado pelo IBGE, Ipea, Pnad, Enem, Ideb etc. é apenas uma formidável invenção da oposição do Maranhão. Não dá, senador, porque em nenhum dos dados estatísticos disponíveis existe qualquer base para afirmações como essa de Ricardo Paes de Barros! Para isso é preciso trabalhar, ter projetos, planos, desejo de mudar. Coisa inexistente no governo de Roseana.

Na verdade, todos sabem, é apenas mais uma tentativa de mostrar um Maranhão que não existe. E, se não existe, é porque sufocaram o estado trazendo para cá uma política de dominação e medo. Acharam que isso seria suficiente, já que são donos de poderoso sistema de comunicação. E nunca tentaram ao menos conhecer e estudar os nossos problemas, para que pudessem mudar essa realidade.

Enfim, falando da realidade, ela é mesmo tal qual a que o deputado Sarney Filho descreveu no seu ato falho. Estamos cada vez mais descendo a ladeira, cada vez piores e mais pobres. Foi apenas uma coisa ridícula.

E para concluir, denuncio mais uma vez o gravíssimo problema da falência da segurança no Maranhão. Já aconteceu o que todos temiam: no mês de outubro o número de assassinatos na região metropolitana, não só atingiu o número cem, mas ultrapassou por larga margem, chegando a cento e oito mortes violentas. Uma corrida macabra patrocinada pelo governo do Estado que, para não deixar dúvidas de sua irresponsabilidade, corta profundamente o orçamento da Segurança Pública para 2014. Será que não conseguem enxergar as coisas estapafúrdias que fazem? Se este fosse um governo responsável, veríamos números aumentados e atitudes condizentes.

É caso perdido mesmo.

Roberto Maranhão rumo à Assembléia 

Gravem bem esse nome: Roberto Maranhão! Grande comunicador do município de Paço do Lumiar, José Roberto Brígido Maranhão, mais conhecido como Roberto Maranhão, é um homem de luta por um Paço do Lumiar melhor.

Numa articulação conjunta entre lideranças políticas de Paço do Lumiar, o PP – Partido Progressista – lançou o nome de Roberto Maranhão como pré-candidato a Deputado Estadual, concorrendo assim a uma cadeira na Assembleia Legislativa para representar o município de Paço do Lumiar.

Maranhão já foi candidato a vereador de Paço do Lumiar no último pleito, chegou a ser considerado um dos mais atuantes do município. Ao lado de lideranças de Paço do Lumiar na luta pelo desenvolvimento da cidade de Paço, o nome de Roberto foi escolhido por unanimidade para concorrer a uma vaga na AL, pelo PP – Partido Progressista, como pré-candidato.

Josemar tomou chá de sumiço!

IMG_0298 - CópiaA visível e gritante crise na Segurança Pública pela qual passa o município de Paço do Lumiar e os inúmeros problemas que afetam a população da cidade nas áreas da Saúde, Infraestrutura e Educação não foram suficientes para prender atenção do prefeito Josemar Sobreiro(PR) e fazê-lo permanecer no município.

Josemar, segundo fontes extraoficiais, viajou esta semana em companhia da primeira-dama e comitiva a passeio aos Estados Unidos, numa clara demonstração de despreocupação com a caótica realidade de Paço do Lumiar. A cidade, que sofre com a onda desenfreada de violência e ainda com a ausência de políticas públicas em setores fundamentais da administração, conforme informam lideranças do prefeito, caiu no abandono.

”Ele viajou a passeio. O município está abandonado e a cada dia a situação se agrava. Essa viagem dele não é para tratar de assuntos relacionados ao nosso município; ele foi fazer um curso de inglês”, explica uma fonte.

Ficando mais velho…

O vereador Alderico Jefferson Abreu da Silva Campos, o Alderico Campos (DEM), recebeu na tarde do último domingo 03/11, em sua reluzente Chácara no Sítio Grande em Paço do Lumiar, amigos, familiares e correligionários para comemoração do 34º aniversário. Quem deu “as caras” por lá foi o Deputado Estadual Edilazio Junior(PV), o ex-prefeito Gilberto Arôso(PMDB), diversos vereadores, lideranças entre outras personalidades politicas e empresarias. Confira abaixo, alguns registro da comemoração.

996660_550111108390720_552245861_n

– Colaboração dos Blogs Neto Cruz e Fernando Ataláia
Seria suspeita de superfaturamento em obra do Prefeito Alan Linhares (PTB)

Séria suspeita de superfaturamento em obra do Prefeito Alan Linhares (PTB)

O enrolado Prefeito de Bacabeira, Allan Linhares (PTB) que empregou mais da metade dos familiares nas tetas da Prefeitura, aprontou mais uma das suas.

Desta vez, Linhares não contratou sem licitações – como quando era Presidente da Câmara -, nem usou de suas artimanhas para praticar ilicitudes. O caso em questão, trata-se de séria suspeita de superfaturamento em obra  pública.

Comandada por Allan, a Prefeitura de Bacabeira assinou contrato com a empresa Hidrotec Construções e Comércio Ltda. – ME, para construção de uma escola com apenas oito salas de aula no município.

Sei lá usando quais os métodos, ou critérios de custos, o contrato de 11 meses, tem valor de R$ 2.878.367,76 (dois milhões, oitocentos e setenta e oito mil, trezentos e sessenta e sete reais e setenta e seis centavos).

Segundo os analistas da área da construção civil, a obra é um absurdo dos mais escandalosos já existentes. “Para uma escola desse porte chegar a esse valor astronômico, só se fosse feita de tijolo de ouro e cimento de diamante” Disse um critico à atual gestão de Bacabeira.

Para completa, a obra  em sua totalidade, é do Governo Federal através do Programa de Manutenção e fortalecimento do ensino Fundamental, Construção, Ampliação ou Reforma de Unidade Escolar. O processo da Licitação é o Nº 083/2013.

Essa não é a primeira, e certamente, não será a última suspeita de irregularidade de Allan Linhares pela sua turbulenta vida pública. O cara responde inúmeros processos na justiça, possui prestações de contas reprovadas no Tribunal de Contas do Estado e está no cargo Prefeito até o julgamento de Processo na Justiça Eleitoral, onde também reponde processo que pede perda de mandato.

A gestão de Linhares está repleta de problemas que, assim como a suspeita de superfaturamento, devem ser urgentemente investigadas pelo Ministério Público.

Assim o povo espera e agradece!

O presidente da Comissão de Orçamento, Finanças, Fiscalização e Controle, Alexandre Almeida (PSD) revelou a O Imparcial com exclusividade que valor das emendas parlamentares proposta no Orçamento 2014, que tramita na Assembleia Legislativa do Maranhão será no valor de R$ 4 milhões para cada deputado, representando um aumento de 33% quando comparado com os R$3 milhões destinados para este ano.

“Estamos definindo com os líderes a partir do critério já aprovado na LDO. A previsão é de R$ 4 milhões para cada deputado”, revela Alexandre Almeida. Já o deputado governista Edilázio Jr (PV) disse que a informação repassada aos deputados pelo governo do estado é que as emendas devem ficar no valor de R$ 3 milhões.

Embora o parlamentar tenha dito à reportagem que o valor estipulado seja um justo, ele também afirma que não é suficiente para atender uma grande demanda dos prefeitos dos interiores: “Somos muito cobrados, toda cidade  quer asfalto, melhoria de ginásios, um posto de saúde, o carnaval e o São João a gente tem que ajudar”, enumera o deputado que explica que as emendas significam uma forma de estar mais presente nos municípios: “Depois que conseguimos liberar vamos inaugurar obras e as pessoas olham a cara do deputado”, explica.

Para o deputado oposicionista Othelino Neto (PCdoB) o valor estimado está dentro da normalidade e afirma que na Casa não deve haver grandes disputas ou polêmicas em sua aprovação, porém cobrou que as emendas sejam liberadas para todos os deputados, inclusive os da oposição: “O que esperamos é que as emendas passem a ser liberadas independente de serem das situação ou oposição”, disse o deputado que criticou o fato das emendas dos parlamentares da oposição não terem sido liberadas até hoje, o que na sua avaliação é uma forma de punição por parte do Executivo.

Em artigo publicado no facebook, nesta segunda-feira(04), o presidente da Embratur e pré-candidato a governador, Flávio Dino, aproveitou para fazer críticas à tão propalada parceria do governo com os municípios. Afirma que, na verdade, há muita propaganda e favores aos protegidos.

“No começo do ano, o governo do Estado anunciou que desejava fazer “parcerias institucionais” com todas as prefeituras do Maranhão. Chegando perto do fim do ano, o que existe? O de sempre: muita propaganda e favores aos poucos protegidos”, diz.

Para ele, quanto aos prefeitos e lideranças que desejam abertamente se manter coerentes, implementa-se o cardápio já conhecido: perseguições, matérias “jornalísticas” inventadas, a velha tática nazista de repetir uma mentira até que vire “verdade”.

Confira o teor do artigo publicado no facebook.

O “MUNICIPALISMO” DA OLIGARQUIA

Flávio Dino

Em claro e contundente Parecer apresentado ao Tribunal Superior Eleitoral, o Procurador Geral da República Roberto Gurgel demonstrou os vícios do singular “municipalismo” praticado pela oligarquia maranhense. Para os amigos, tudo, inclusive ilegalidades e imoralidades. Para os adversários, a perseguição implacável e a tentativa de “compra”.

À vista de sua impopularidade e da inexistência de resultados administrativos a apresentar, não é de se estranhar que persistir nesse caminho seja a principal aposta da oligarquia, para tentar vencer as eleições para o governo em 2014.

No começo do ano, o governo do Estado anunciou que desejava fazer “parcerias institucionais” com todas as prefeituras do Maranhão. Chegando perto do fim do ano, o que existe ? O de sempre: muita propaganda e favores aos poucos protegidos.

Quanto aos prefeitos e lideranças que desejam abertamente se manter coerentes, implementa-se o cardápio já conhecido: perseguições, matérias “jornalísticas” inventadas, a velha tática nazista de repetir uma mentira até que vire “verdade”.

Todos os dias a oligarquia – conhecida MUNDIALMENTE pela corrupção – lança uma “denúncia”, fabrica um “escândalo”, inventa uma “suspeita” contra os seus adversários.

Então pergunto: o que o governo do Estado fez para ajudar os municípios ? Vou responder: fechou hospitais importantes; construiu outros que não funcionam; continua impondo às prefeituras despesas que não lhes pertencem.

Esse é o singular “municipalismo” da oligarquia. Na verdade, uma mera fachada para a política da intimidação, da ameaça, do medo.

Defendemos uma política transformadora no nosso Estado que respeite as diferenças políticas, mantenha ações cooperadas com seriedade e não puna as populações de cidades por conta de mesquinharias.

Posso citar o exemplo da EMBRATUR, em que tenho desenvolvido ações em proveito de Estados e Municípios dirigidos por TODOS os partidos políticos, os quais não interessam quando se trata de aplicar corretamente o dinheiro público.

Um dia será assim no Maranhão.

IMG00217Trágico acidente aconteceu  ontem domingo 03/11, na estrada de ferro Carajás, no trecho compreendido entre os municípios maranhenses de Monção e Igarapé do Meio.

O  Trem de passageiros da Companhia de Mineração da VALE, colidiu com um veículo Classic de cor bege, placa NXI 8033 – Monção -MA, que estava no meio dos trilhos no momento que o trem passava pelo local.  O impacto foi tão grande que o veículo foi arrastando por mais de 800 metros.

No momento da colisão, havia uma pessoa dentro do classic, o condutor do veículo, Leandrio Machado,  31 anos, conhecido por “Doutor”, morador do povoado Rita no Município de Monção, sobrinho do ex-vereador de Monção Alexandre Gaspar, não resistiu aos ferimentos , após ficar esperando por socorro presos às ferragens e morreu ainda no local.

A polícia apresentou na última sexta feira 01/11, na Secretaria de Segurança Pública (SSP), a dupla suspeita de assassinar o gerente e produtor de Radiola da Itamaraty, Luís Cândido Soares Martins, conhecido como “Luzico”. O crime ocorreu no dia 25 de agosto deste ano, após o término de uma festa de reggae, no Povoado Providência, na cidade de Rosário.

Gueldo Silva Costa, o “Guel” e Thiago Anastácio Martins da Silva presos no Povoado São Simão, em Rosário.

Gueldo Silva Costa, o “Guel” e Thiago Anastácio Martins da Silva presos no Povoado São Simão, em Rosário.

A prisão dos suspeitos ocorreu em uma operação deflagrada na manhã da última sexta-feira (01). Na ação foram presos Gueldo Silva Costa, “Guel”, 22 anos, que já responde pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, no ano de 2012 e Thiago Anastácio Martins da Silva, 20 anos, que responde por homicídio qualificado contra Luis Gonzaga Santos, crime ocorrido em agosto de 2010, no Povoado São Simão em Rosário.

A operação que culminou com a desarticulação e prisão dos criminosos foi um trabalho de investigação da 1ª Delegacia Regional de Rosário coordenado pela delegada regional Regina de França Barros e o delegado Carlos Alberto Matos Brito do 1º DP. A ação também contou com o apoio da Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI), do Grupo Tático Aéreo (GTA) e de investigadores das delegacias de Costumes e Defraudações.

De acordo com o superintendente Jair Lima, a ação que prendeu os dois suspeitos se deu em cumprimento a dois mandados temporários de prisão e busca e apreensão em Rosário.

Jair Lima disse que informações e provas contundentes apontam que eles são indicados como participantes da morte do produtor Luzico. O delegado disse ainda que mais informações serão levantadas no intuito de descobrir mais crimes e a atuação da quadrilha, que teria participado de inúmeros delitos naquela região.

“Luzico” foi assassinado no dia 25 de agosto deste ano, após o término de uma festa de reggae, no Povoado Providência, na cidade de Rosário

Gueldo foi preso na Rua do Sol e Tiago na Rua Santo Elias, ambos no Povoado São Simão, em Rosário. Os mandados foram expedidos no último dia 17 de outubro pela juíza Rosângela Santos Prazeres Macieira, da Comarca de Rosário. A delegada Regia de França disse que eles vão ser indiciados pelo crime de latrocínio.

Após a apresentação eles foram encaminhados ao Complexo Penitenciário de Pedrinhas onde ficarão custodiados.

Crime

De acordo com investigações da polícia, Luzico saía de uma festa de reggae junto com o taxista Manoel de Assunção Silva Cutrim, em um veículo Siena, de cor branca e placas NNE-6965, quando ambos foram abordados por dois homens armados de arma de fogo em uma motocicleta.

Durante o crime, um dos motoqueiros efetuou vários disparos contra o veículo, os quais atingiram Luzico na região do tórax e Manuel de Assunção na perna. Ambos foram encaminhados ao Hospital Municipal Djalma Marques (Socorrão I) com ferimentos graves. Luzico não resistiu e morreu na noite do dia 26, depois de sofrer uma parada cardíaca.

Lourenço, funcionário da Delegacia assassinado

Na tarde de ontem 03/11, o Município de São João Batista passou por clima de tensão durante tentativa de fuga na delegacia da Cidade. Dois homens tentaram, sem sucesso, soltar presos da unidade prisional e acabaram sendo mortos pela polícia.

Ousadamente, os dois bandidos chegaram na delegacia do Município alegando querer registrar Boletim de Ocorrência.

Quando o carcereiro de plantão, identificado como Lourenço Pereira abriu a porta, os meliantes desferiram disparos a queima roupa contra o funcionário da delegacia, que não fazia parte dos quadros da policia civil.

Lourenço morreu na hora. Com o barulho dos tiros, policias que estavam próximo a delegacia, começaram trocar tiros com os bandidos, na troca de tiros, os dois ousados meliantes foram mortos e um policial identificado por Camilo acabou sendo baleado sem gravidade.

chiquinhoO deputado federal Francisco Escórcio (PMDB-MA) conseguiu o milagre da multiplicação dos pães e do patrimônio, que cresceu 1.200% (12,1 vezes) em 4 anos, apesar de declarar apenas os rendimentos de parlamentar. Em 2006, Escórcio declarou bens de R$ 2,2 milhões ao Tribunal Superior Eleitoral; em 2010, seus bens já somavam R$ 26,8 milhões. Nesse período, seus salários totalizaram R$ 1,2 milhão.

Escórcio, que amigos chamam de “Chiquinho”, recebe R$ 26,7 mil por mês, R$ 320,6 mil anuais. O patrimônio cresceu R$ 6 milhões por ano.

Foram vinte bens declarados por Escórcio, em 2006, avaliados em R$ 2,2 milhões. Em 2010, seus quinze bens já valiam R$ 26,8 milhões.

Francisco Escórcio atribui seu enriquecimento ao “crescimento econômico”, em razão da “correção monetária” dos valores dos bens.(Da coluna do Cláudio Humberto).

1 1.173 1.174 1.175 1.176 1.177 1.188

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894
Celular: (98) 98160-1081

Publicidade

RÁDIO TIMBIRA