13
jul
2017

Nove meses após, Dep. Roberto Costa ainda não aceitou o resultado das urnas em Bacabal

Denúncia incoerente de Costa temo intuito de confundir a opinião pública e atacar o prefeito Zé Vieira (PP), a primeira-dama Patrícia Vieira, o vice-prefeito Florêncio Neto (PHS) e secretários.

deputado estadual Roberto Costa (PMDB)

Deputado estadual Roberto Costa (PMDB) insiste na perseguição ao prefeito Zé Vieira…

Nove meses após a eleição que consolidou no dia 02 de outubro de 2016 Zé Veira (PP) prefeito de Bacabal, com mais de 20 mil votos, o deputado estadual Roberto Costa (PMDB) ainda não aceitou a derrota nas urnas, e a cada dia, cria um novo factoide contra a gestão que tem trabalhado diuturnamente em prol dos bacabalenses.

Nos últimos tempos, mais do que nunca, a classe política brasileira está sem credibilidade perante a população que assiste diariamente um escândalo atrás do outro sendo descoberto e levando para a cadeia figurões. São políticos influentes e empresários, alguns bilionários que jamais imaginaram serem alcançados pelas mãos da justiça.

No meio de tudo isso também há os que se aproveitam da crise moral que se abateu sobre a nação para tirar proveitos políticos e tentar macular desafetos e outras autoridades. Trazendo para as questões políticas locais, podemos citar como um bom exemplo o deputado estadual Roberto Costa (PMDB), candidato derrotado na última eleição para prefeito de Bacabal.

Desde que sofreu esse revés, Roberto tem insistido em não aceitar o resultado das urnas. Sendo parlamentar, seria natural que cobrasse ações públicas voltadas para o bem comum da população e, também, destinasse emendas que contribuíssem para esses benefícios, mas nada isso tem sido feito.

Roberto Costa tem preferido adotar a via dos ataques pessoais e das ofensas, seja da tribuna da Assembleia Legislativa ou através da emissora de TV que comanda em Bacabal. Nos dois casos ele tem feito fortes acusações contra a administração pública municipal e aos seus principais integrantes, nenhuma delas comprovada.

Além do prefeito Zé Vieira (PP), seus principais alvos têm sido a primeira-dama Patrícia Vieira, o vice-prefeito Florêncio Neto (PHS) e secretários.

O mais recente ataque ocorreu nesta quarta-feira (12), quando, da tribuna da Assembleia Legislativa, ele denunciou – sem mostrar absolutamente nenhuma prova, baseando-se só em suposições – haver irregularidades na administração municipal. O deputado se referiu à licitação feita, no entendimento dele, para a aquisição de 60 carros, quando na verdade não é nisso.

Continue lendo no Blog do Sérgio Matias

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo