25
maio
2015

Nova derrota de Deco no TJ; Guto permanece prefeito de Humberto de Campos

AjMX1ruaiU25ePs2ttRhsXXh0lxHXdWjY4yK5rLxtmpHO blog já tinha publicado: “Destino político de Humberto de Campos na caneta de Guerreiro Junior“, e nesta segunda-feira 25/05, o Tribunal de Justiça do Maranhão decidiu permanecer Raimundo Nonato Santos fora do cargo na Prefeitura.

Em decisão o desembargador Guerreiro Júnior indeferiu o agravo regimental do ex-prefeito afastado por 180 dias pela Justiça, por ato de improbidade administrativa.

“Pelas razões expostas, nego seguimento ao Agravo Regimental nº22.87/2015, por inexistência de pressuposto intrinseco de admissibilidade atinente ao cabimento e, no que tange ao pedido de reconsideração, indefiro-o, por não vislumbrar razões jurídicas relevantes capazes de modificar o entendimento acima transcrito, motivo pelo qual mantenho in totum a decisão agravada”, despachou Guerreiro Junior.

Com a decisão, Deco continua sem poder se aproximar da sede do poder executivo municipal. Quem continua no comanda da Prefeitura é o vice-prefeito eleito, Augusto Cesar Fonseca Filho, o Guto.

Duas vezes afastado

O ex-prefeito Deco(PMN) é um exemplo de político que a sociedade deseja ver bem longe da gestão pública. Por duas vezes o Ministério Público ajuizou Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa, pedindo o afastamento de Deco e a indisponibilidade dos seus bens. Nas duas vezes ocasiões, os juízes titulares da Comarca de Humberto de Campos em decisão liminar atenderam o pedido do Ministério Público e afastaram o prefeito do cargo.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo