27
jan
2021

No apagar das luzes, Juran transferiu quase R$ 1 milhão do Fundeb para a conta do Tributos e depois ‘desovou’ o dinheiro

Além do dinheiro da Educação que foi parar na conta do Tributos, também houve transferência do FPM para o mesmo destino, depois, toda a verba foi usada no pagamento de empresas que forneciam à gestão Juran, em Presidente Dutra.

Detalhamento das transferências feitas da conta do Fundeb para a do Tributos dia antes do prefeito Juran deixar de ser prefeito...

Detalhamento das transferências feitas da conta do Fundeb para a do Tributos dia antes do prefeito Juran deixar de ser prefeito…

Embora não deixe saudade ao povo de Presidente Dutra, o ex-prefeito Juran Carvalho, será bastante lembrado pelos próximos meses e anos nos inquéritos dos órgãos de controle e fiscalização de recursos públicos.

O motivo para isso é o fato de que no último mês antes de deixar a prefeitura, Juran fez ‘desgraças’ com o dinheiro público, como por exemplo, transferir recursos do Fundeb – que só podem ser usados na Educação, para a conta de Tributos da prefeitura. Em seguida, esse dinheiro foi usado para pagar empresas ‘apadrinhadas’ da gestão municipal.

Do dia 28 a 31 de dezembro de 2020, por exemplo, Juran Carvalho transferiu R$ 988.053,16 (novecentos e oitenta e oito mil, cinquenta e três reais e dezesseis centavos) da conta do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) direto para a conta do Tributos do município.

Concomitante às transferências ilegais de dinheiro público de uma conta para a outra, foram realizados pagamentos em massa para empresas fornecedoras indicadas pelo prefeito.

– Bandeira Construtora

Uma delas foi a “Bandeira Construtora & Construções LTDA”, que ganhou dezenas de licitações na gestão Juran ao ponto de somar mais de 30 milhões de reais em contratos.

Para se ter uma noção do quanto a Bandeira Construtora foi agraciada na gestão municipal, faltando apenas um dia para Juran Carvalho deixar o cargo, a empresa de propriedade Laudiney Bandeira da Costa recebeu da conta de Tributos uma transferência de R$ 296.596,44 (duzentos e noventa e seis mil, quinhentos e noventa e seis reais e quarenta e quatro centavos). Fora isso, no dia 10 de dezembro já tinha recebido o mesmo valor em outra transferência.

– Recursos do FPM para o Tributos 

Dinheiro do FPM – Fundo de Participação dos Municípios, também foi transferido para a conta de Tributos. No último mês da gestão, foram R$ 1.866.871,00 (um milhão, oitocentos e sessenta e seis mil, oitocentos e setenta e um real), recursos esses, que em seguida, foram parar nas contas das empresas que forneciam para a gestão Juran.

Portanto, apenas no mês de dezembro de 2020, somando recursos do Fundeb e do FPM transferidos para a conta do Tributos, foram quase R$ 3 milhões que serviram para pagar empresas ligadas ao ex-gestor presidutrense.

De outro modo, o novo prefeito, Raimundinho Audiolar, encontrou as contas da prefeitura esvaziadas quando assumiu a gestão em 1º de janeiro de 2021.

O Blog do Domingos Costa teve acesso a um relatório que mostra os detalhes das transferências e pagamentos ilegais feitos pelo então prefeito Juran Carvalho faltando apenas dias para sair da prefeitura de Presidente Dutra, confira abaixo:

CLIQUE AQUI E CONFIRA.


LEIA TAMBÉM:

– Empresa recebeu mais de 30 milhões da gestão Juran Carvalho, em Presidente Dutra

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo