30
nov
2016

Chegada de Madeira no comando estadual do PSDB força saída de Carlos Brandão do partido

Prefeito de Imperatriz que encerra o mandato em dezembro conta com apoio de João Castelo, Pinto Itamaraty e Luis Fernando Silva para “tomar”, via cupula nacional, o partido do vice-governador Carlos Brandão.

luis-fernando_madeira_ministro-das-cidades

Sebastião Madeira, Luis Fernando com o Ministro das Cidades, Bruno Araújo durante o Encontro Nacional dos Prefeitos do PSDB, realizado em Brasília na última sexta-feira, dia 25.

Sem mandato a partir de janeiro de 2017, o ainda prefeito de Imperatriz Sebastião Madeira (PSDB) trabalha intensamente para assumir o comando no ninho tucano no Maranhão.

Ex-deputado federal e presidente do Instituto Teotonio Vilela (ITV), com grande prestígio junto a cúpula nacional da legenda, Madeira promete dedicar-se unicamente à organização do partido visando a eleição de 2018, quando pretende disputar uma vaga para Câmara Federal.

A informação foi repassada por uma fonte imperatrizense muito próxima ao gestor que finda seu mandato no executivo municipal dia 31 de dezembro deste ano.

Atualmente o PSDB é comandado no Maranhão pelo vice-governador Carlos Brandão, aliado ao governo Flávio Dino (PCdoB), é exatamente esse argumento que Madeira tem usado em Brasília para tomar a sigla das mãos de Brandão: A proximidade com Dino.

Ciente que não possui força suficiente junto a direção nacional tucana para pertencer o PSDB na base do governador, Carlos Brandão já procura outra legenda alinhada ao Palácio dos Leões para filiar-se, afinal, o vice não pensa de forma alguma em romper com o PCdoB, muito pelo contrário…

Para assumir a direção regional, Madeira conta com apoio de boa parte da “tucanada”, a exemplo do senador em exercício Pinto Itamaraty; do único deputado federal do partido no Estado, o ‘adoentado’ João Castelo, além do prefeito eleito de São José de Ribamar, Luis Fernando Silva – maior entusiasta da ideia de mudança no comando da legenda.

Mudança de postura

Caso assuma o comando do PSDB – o que é dado como certo – Madeira pretende mudar a postura da legenda em relação a política maranhense.

Magoado com Flávio Dino por ter apoiado a candidata do PDT [Rosangela Curado] na sua sucessão à prefeitura de Imperatriz, o tucano defende a ideia da sigla tão logo lançar um nome como pré-candidato ao governo do Maranhão, visando já a disputa eleitoral de 2018.

Desse modo, na pior das hipóteses – a depender do desempenho nas pesquisas – o nome a ser escolhido entraria na briga, assim como em 2014, por uma vice ou até mesmo espaço na disputa por uma vaga ao Senado.

Em suma, o entendimento é o PSDB maranhense seguir o rito da política nacional onde detém grande aproximação do PMDB – no Marnahão comandado pela familia Sarney.

Mas esse é outro assunto…

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo