08
jan
2016

Liberação de táxi lotação é um imenso erro e abre um precedente sem tamanho

Manifestação-de-motoristas-de-carrinhos-no-Centro-2

A forma dos donos de “carrinhos” pressionarem a Prefeitura é sempre a mesma: fechar a via pública e causar transtorno à população.

Um completo absurdo além de abrir um precedente sem tamanho a reivindicação dos motoristas que alegam fazer parte de uma cooperativa de táxi lotação da área Itaqui Bacanga. Na manhã de ontem(07), eles cobraram o cumprimento de uma autorização aprovada pela Câmara de Vereadores da capital no inicio do mês de dezembro de 2015, que concede total de 180 placas de táxis aos mais de mil “trabalhadores” do transporte alternativo que buscam sair da clandestinidade em toda São Luís.

Intimidados com os constantes protestos da classe que lotou a galeria da Câmara durante semanas, os vereadores aprovaram sob pressão o projeto de concessão a uma minuscula parcela dos “carrinhos”. Mas, acontece, que o problema promete afetar todo o sistema de transporte da Ilha, isto é, a abertura da “brecha” possibilita que em muitos outros bairros de São Luís onde os “táxis” atuam, comecem também os protestos pedindo mais permissões de placas. O que deve se transformar num colapso.

Pior que a ideia de centenas de “carrinhos lotação” transitando pela capital, é o argumento usado pelo representante dos motoristas, senhor Charles Silva. Ele explica que entre os critérios para escolha dos que serão contemplados, os interessados devem estar ligado a uma cooperativa devidamente constituída e regulamentada, ou seja, a que ele preside.

E Charles, que é pré-candidato a vereador, vai além, diz que o método de organização é implantação de uma central de rádio que abrigará os 180 táxis lotação.

E anotem: Esse tema ainda vai render, e causar muito dor de cabeça para a Prefeitura de São Luis…

1 Comentário

  1. MACABEU disse:

    Eu vejo por outro ângulo, o culpado disso tudo são os irresponsáveis dos empresários, deixam de investir no próprio negócio, as empresas de coletivos, oferecendo uma péssima prestação de serviço, com o pior, ônibus com mais de 10 anos comprado no Piauí, Fortaleza e São Paulo, ônibus que lá não presta mais, e quer que a população aceite uma patifaria dessas, o trabalhador os usuários de ônibus tem que ter alternativa, para viajar em qualquer meio que lhes é oferecido. Basta de ficar dependendo desse empresários malandro, sonegadores de imposto e financiadores de campanhas eleitorais, fazendo os eleitos fiquem refém desses corruptos.

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Cancelar Resposta

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

Publicidade