20
dez
2013

Salve-se quem puder! 300 presos foram liberados da Penitenciária de Pedrinhas com o “Induto de Natal”

roberto-de-paula

Juiz da Vara de Execuções Penais Carlos Roberto Gomes de Oliveira Paula

Pontualmente às 17h, desta sexta-feira 20/12, 300 presos foram liberados do Complexo Penitenciário de Pedrinhas em São Luís. Coincidentemente, os apenados receberam o benefício da saída temporária no período de grande crise do sistema prisional, até membros do CNJ – Conselho Nacional de Justiça estão na Capital para buscar informações e medidas do Governo do Estado para solucionar o caos que tomou conta da situação do sistema carcerário do Estado.

Na decisão do juiz da Vara de Execuções Penais, Carlos Roberto Gomes de Oliveira Paula ele informa que os detentos deverão retornar às 18h do dia 27 de dezembro.

O indulto de natal é uma forma de extinguir o cumprimento de uma condenação imposta ao sentenciado desde que o apenado se enquadre nos requisitos pré-estabelecidos, no caso, aqueles presos que tiveram bom comportamento nas unidades prisionais.

Durante todo o ano de 2013, o Complexo Penitenciário de Pedrinhas quase que diariamente é manchete na imprensa, com destaque para assassinatos de detentos e brigas mortais entre facções rivais.

No início da manhã da última terça-feira (17/12), um motim influenciou rivalidade entre integrantes da mesma facção criminosa, que resultou em quatro mortos, três decapitados. Na noite do mesmo dia, mais uma morte, desta vez, na Central de Custódia de Presos de Justiça (CCPJ) do Anil, a vítima foi estrangulamento e o corpo encontrado cheio de hematomas. Na tarde de ontem, quinta-feira 19/12, agentes penitenciários encontraram mais um detento assassinado a chuçadas, o corpo foi encontrado na lixeira do presídio.

Sem uma ação contundente do Governo do Estado, através da Secretaria de Estado da Justiça e da Administração Penitenciária (Sejap), a sociedade fica acuada, o medo toma conta da população, isso sem contra, que ainda tem que conviver com os mais altos índices de criminalidade da história.

Com mais 300 bandidos à solta salve-se quem puder!

5 Comentários

  1. Paulo Santos disse:

    CARO DOMINGOS, (SALVE-SE QUEM PUDER), REALMENTE, VAMOS ANALISAR, OS BANDIDOS FAZEM TODO TIPO DE ATROCIDADE COM AS PESSOAS, ENCLUSIVE MATANDO, EIS A QUESTÃO? PRA JUSTIÇA RESPONDER, E OS FILHOS DAS PESSOAS QUE FORAM MORTAS OU FORAM LESADAS POR ESSES…(NÃO EXISTE PALAVRAS PRA SE QUALIFICAR UM TRASTE DESSE), COMO VERÃO OS SEUS PAIS OU PARENTES VITIMAS DESSES…MAIS ESSES BANDIDOS SÃO AGRACIADOS COM TANTOS BENEFICIOS, COMO SE FOSSEM NÃO SEI O QUE, QUE DIZER ELES PODEM PASSAR NATAL, ANO NOVO COM SEUS FILHOS E FAMILIARES SE É QUE TEM, POIS UM BICHO DESSE NÃO TEM NEM A ELE, POR FAVOR RESPONDE JUSTIÇA, ACHO QUE NÃO VAI RESPONDER, POIS REALMENTE A JUSTIÇA É CEGA.

    • blank Ivana disse:

      Lembrem-se que eles são presidiários, mas antes de serem presidiários, eles são seres humanos assim como você e eu. E se alguns estão saindo é porque foram analisados e achados dignos de receber tal oportunidade. Lembrem-se que eles assim como você têm famílias e não é porque alguns são do jeito que são, que quer dizer que todas as pessoas que estão nos presídios são 100% marginalizadas. Como eles podem ser ressocializados se a “sociedade” sempre os condena? Não estou fazendo apologia ao crime, mas como cristã, tenho o dever de amar a todos. Os pecados deles não são maiores que o seu e nem o meu. Deus os abençoe e os proteja para que nunca venham a passar por uma situação destas, pois somente quem passa é que sabe como é. Um abraço!

  2. blank Julio Durans disse:

    O que está acontecendo nos sistemas presidiários de são luís, simplesmente e pelo fator do estado está arcando pelo custo de cada presidiário, quando em outros países os presidiários são obrigado a trabalharem para arcarem com seus próprios custos, os cara passam o dia inteiro sem fazer nada só planejando matar e fugir, e em quanto isso nós cidadãos de bem somos obrigado a trabalhar para sustentar essas atrocidades, então meu amigo tem que colocar os caras e para quebrarem pedras, eu duvido que após esse serviço se eles terão energia para fazer alguma rebelião.

  3. blank nana disse:

    a única diferença a gora que os vao ser praticsdo fora dos presidios

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo