14
fev
2014

Homem que roubava e cheirava calcinhas estava usando a peça íntima quando foi morto a tiros

Moacir Canuto dos Santos, 40 anos,  foi assassinado a tiros

Um homem foi morto na noite desta quinta-feira (13), no povoado Figueiredo, zona rural de Pariconha Estado de Alagoas. Moacir Canuto dos Santos, 40, estava na sua residência assistindo televisão quando foi alvejado com três tiros de revólver calibre 38. Os tiros acertaram a cabeça da vítima que teve morte instantânea.

Segundo o chefe de operações da 33ª DP de Pariconha, Zé Lobinho, a vítima era acusada de roubar calcinha das mulheres do povoado, além de roubar, Moacir também cheirava e usava as calcinhas das vítimas.

A vítima usava uma das calcinhas roubadas

O corpo de Moacir foi levado para o Necrotério da Unidade de Emergência e para a surpresa dos policiais, ele estava usando uma calcinha de cor vermelha quando foi morto. O caso será investigado pela equipe do delegado Rodrigo Rocha Cavalcanti.

Até o momento a polícia não sabe se os roubos de calcinhas têm relação com a morte de Moacir Canuto dos Santos.

 

 

 

 

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo