31
out
2015

Homem assassinado no centro de São Luís era “agiota de camelôs” da Rua Grande

123698547

Vítima levou dois tiros na cabeça após ter o dinheiro subtraído por suspeitos.

A investigação de um crime com características de latrocínio ocorrido no fim da tarde de ontem sexta-feira (30) em uma travessa da Rua Grande, em São Luís, pode levar a Polícia Civil a uma quadrilha especializada na prática de agiotagem entre os camelôs do maior centro comercial do Maranhão.

Alberto Carlos Serra Moura foi assassinado na movimentada Rua Godofredo Viana paralela a Rua Osvaldo Cruz, no Centro. A vítima levou dois tiros na cabeça e morreu ainda no local. Câmeras de segurança de lojas devem ajudar nas investigações do latrocínio do assassinato.

De acordo a polícia, testemunhas disseram que três ou quatro pessoas participaram do crime.  A vítima estava fazendo algumas cobranças no local e foi executada após entregar o dinheiro para os suspeitos.

O blog apurou que Alberto Carlos emprestava dinheiro a juros para diversos camelôs. A prática se arrastava por anos nas Ruas em torno do Centro, como Praça Deodoro, e sobretudo, na Rua Grande.

Ainda de acordo com apuração do blog junto aos camelôs, o agiota tinha muito dinheiro para receber, e por essa razão, provavelmente um de seus devedores armou uma cilada para aparentar um assalto, quando na verdade, se tratava de uma execução. “Tudo foi direcionado, tipo encomenda, porque os assassinos primeiro pediram o dinheiro dele e logo em seguida miraram a cabeça dele e atiraram”, disse uma testemunha que pediu para não ser identificada.

A investigação está a cargo do delegado Jeffrey Furtado da Delegacia de Homicídios, que já ouviu testemunhas. “Segundo as informações de pessoas que trabalham na região, a vítima estava fazendo algumas cobranças, quando alguns indivíduos, entre três a quatro, já o aguardavam nas redondezas. Quando ele chegou foi abordado, teria sido anunciado o assalto e, finalmente, depois de retirarem todo o dinheiro que ele tinha guardado efetuaram os disparos”, disse.

Após o crime, os bandidos deixaram o local andando calmamente. A violência deixou marcas no chão e medo nas pessoas que trabalham na região. Os comerciantes também reclamam da falta de segurança no local.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo