18
mar
2015

Governo já pagou R$ 150 milhões em dívidas deixadas na Saúde por Ricardo Murad

ricardo-murad2-520x347

O novo governo já pagou uma dívida de R$ 150 milhões por suspensão de repasses feita ainda na antiga gestão da Secretaria de Saúde, que era controlada por Ricardo Murad. Só da pasta do cunhado de Roseana Sarney, o governo herdou dívida de R$ 184 milhões por não quitação de débitos contraídos com diversos tipos de contratação e transferências.

Logo de cara, o novo Governo do Estado teve de arcar com dívidas milionárias herdadas de Roseana e Ricardo. Após o resultado das eleições em outubro de 2014, os débitos na pasta passaram a se acumular, chegando a R$ 184 milhões. Além da suspensão de repasses para municípios, houve também paralisação no pagamento de serviços prestados de diversas ordens – desde engenharia até contratação de médicos, enfermeiros e outros serviços.

A reclamação pelo não pagamento começou ainda em 2014, a partir do período de transição do governo de Roseana Sarney para a administração de Flávio Dino. Os repasses para manter em dia a ordem de pagamento do Estado têm demandado grande esforço da nova administração da Secretaria de Saúde, sob coordenação do médico Marcos Pacheco, que realiza pagamento dos serviços prestados a partir de 1º de janeiro de 2015, sem registro de atraso, mas também compensando os pagamentos que deixaram de ser feitos pela gestão de Murad.

No meio do caos deixado propositadamente por Murad, fica claro que a intenção do cunhado de Roseana foi fazer um verdadeiro boicote ao Maranhão. No entanto, a nova equipe garantiu, com trabalho permanente, a quitação dos calotes deixados pelo ex-todo poderoso.

1 Comentário

  1. Jorge Henrique disse:

    Rapaz, essa revista foi produzida pelas empresas do Zeca Dinheiro, ops Pinheiro. Taí um esquema que movimentou mais de 20 milhões na Secretaria de Saúde que o governador Flávio Dino precisa investigar.
    O Zeca Dinheiro que nas horas vagas assessora o deputado MARAGATUNO Weverton, criou uma empresa de produção de vídeos ESCALA para trabalhar pro Ricardo Murad. O primeiro contrato foi de R$ 6 milhões.
    O ex-secretário Sergio Macedo ainda tentou melar a contratação da ESCALA com uma empresa de São Paulo que tentou entrar na disputa. Perdeu. Depois desses de R$ 6 milhões, a ESCALA de Zeca Dinheiro recebeu vários pagamentos de R$ 2 milhões para fazer serviços “de utilidade pública”.
    O secretário Rodrigo Lago precisa apurar isso com gás na STC. Uma conversa dele com o ex-deputado Aderson Lago esclarece as práticas de Zeca Dinheiro, que atuou como espião de Fernando Sarney, no governo do saudoso do Dr. Jackson Lago.
    E parte da equipe de Ricardo Murad da SES “trabalha” hoje na sede das empresas Sofia Propaganda e Escala, afinal, levarão cerca de 20 milhões dos cofres da Saúde.
    O governo tem que ir para cima…..

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo