14
nov
2013

Foram comprados ou vendidos? Vereadores de Imperatriz mudam de posicionamento e devem arquivar CPI da Caema

camara

Parlamentares que pediram a assinatura da CPI da Caema também fazem requerimento a favor do cancelamento

A Câmara Municipal da segunda maior cidade do Estado vive hoje um dia de Sucupira, célebre município criado por Dias Gomes onde aconteciam as coisas mais surreais na gestão do famoso prefeito Odorico Paraguaçu.  Um requerimento pela retirada de Inquérito da Caema  feito pelo líder de governo, José Carlos Soares Barros (PTB),  contem a assinatura de 14 parlamentares  inclusive os que  assinaram e defenderam a criação da CPI para investigar a arrecadação e aplicação de recursos da empresa em Imperatriz.

O presidente da CPI, vereador Carlos Hermes (PCdoB), lamentou a decisão dos parlamentares que pode levar ao arquivamento da CPI motivada justamente pelo precário serviço prestado pela Caema (Companhia de Saneamento Ambiental do Maranhão). A CPI foi criada em um momento de ausência do prefeito Sebastião Madeira(PSDB), aliado do governo do Estado e apoiador de Luis Fernando Silva, pré-candidato do grupo político comandado por Roseana Sarney, cotado como o nome para disputar o Palácio dos Leões em 2014.

A Câmara de Vereadores de Imperatriz, como todas as casas legislativas do país, possui maioria governista e dificilmente apoia algo que contrarie os interesses do chefe do Executivo.  A reviravolta no posicionamento dos vereadores pode fazer com que a CPI da Caema seja engavetada. (Com informações do Blog Carlos Hermes)

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo