23
out
2020

“Fomos até onde pudemos”, escreve Gilberto Arôso ao desistir por problemas judiciais da disputa pela prefeitura de Paço

O ex-prefeito de Paço do Lumiar, Gilberto Arôso, desistiu da disputa pela prefeitura nesta sexta-feira (23). Por meio de uma carta, o emedebista informou sua saída da corrida eleitoral, não disse quem irá apoiar de agora para frente e justificou sua renúncia à problemas judiciais.

“Uma decisão judicial recente, a qual não temos como reverter em tempo suficiente para participarmos da disputa, ou caso participemos, consigamos exercer o mandato, nos obriga a abdicar, nesse momento, da nossa candidatura.”, justificou

ABAIXO A ÍNTEGRA DA CARTA DO EX-PREFEITO:

Gilberto Arôso desistiu de disputar as eleições 2020 para prefeito de Paço...

Gilberto Arôso desistiu de disputar as eleições 2020 para prefeito de Paço…

Carta ao povo de Paço do Lumiar.

Meus amigos,
Combati o bom combate. Todos são testemunhas do quanto que tenho lutado e o tanto que
tenho sido perseguido, não apenas por meus inimigos, mas, na verdade, pelos verdadeiros
inimigos do povo.

Estive prefeito de Paço do Lumiar até o 31 de dezembro de 2008, há quase doze anos deixei o poder, mas o povo ainda hoje lembra do trabalho que realizamos.

É isso que que estes inimigos nunca perdoaram.

Para impedir minha candidatura em 2016, forjaram uma condenação criminal por crimes
impossíveis, que a instrução processual provou ser impossível de ser cometido por mim ou por qualquer auxiliar meu.

Ainda com tal situação conseguimos levar adiante a candidatura e, por muito pouco, se não fosse a interferência direta de forças poderosas, teríamos sido eleitos.
Não deu. O nosso Paço do Lumiar continuou a amargar mais quatro anos de instabilidades e
incertezas.

Continuamos a enfrentar a luta. Os inimigos de 2016, uniram-se aos de 2020, e continuaram a sanha perseguidora.

Fomos até onde pudemos na esperança de reverter as perseguições e realizarmos o nosso sonho de bem servir os lumineses, como fizemos nos cinco anos em que estivemos prefeito.

Uma decisão judicial recente, a qual não temos como reverter em tempo suficiente para
participarmos da disputa, ou caso participemos, consigamos exercer o mandato, nos obriga – por lealdade ao povo que sempre confiou em mim e ao partido, MDB – que me cedeu a legenda para essa disputa –, a abdicar, nesse momento, da nossa candidatura.

Confesso que faço isso com a contrariedade dos injustiçados.

É apenas um breve até logo!

Agora, vamos sentar com o partido, correligionários, e os amigos, para discutirmos como será o nosso posicionamento nas eleições.

Agradecemos a todos e pedimos que não desistam de lutar por um Paço do Lumiar melhor para todos.

Um abraço fraterno,
Gilberto Aroso.

Paço do Lumiar 23 de outubro de 2020.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo