27
fev
2021

Flávio Dino: ‘Se governadores tiverem de bancar o auxílio, Bolsonaro provará sua total inutilidade’

Os relatos de governadores foram publicados pela coluna Painel.

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), criticou neste sábado (27) a declaração de Jair Bolsonaro de que, a partir agora, os governadores que “fecharem seus estados” devem custear uma nova rodada do auxílio emergencial.

“Se os governadores tiverem que bancar até o auxílio emergencial, aí mesmo que o presidente da República vai provar sua total inutilidade”, disse o chefe do Executivo maranhense. Os relatos de governadores foram publicados pela coluna Painel.

Quem também criticou o posicionamento de Bolsonaro foi o governador do Piauí, Wellington Dias. “Não é razoável o líder de um país fazer o cidadão ter que escolher entre comida na mesa ou a vida”, declarou Wellington Dias (PT-PI).

“Que absurdo!”, disse a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT-RN). “Até onde vai essa marcha da insensatez liderada pela maior autoridade do país?”, acrescenta.

Neste sábado (27), Bolsonaro voltou a fazer lobby contra o isolamento social, por meio de uma postagem no Twitter.

Pelo menos 13 estados brasileiros estão com taxas de internação por Covid-19 acima de 80% nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) da rede pública.

1 Comentário

  1. Julio César Romano disse:

    Inútil já tá teu cu, vagabundo. O bichin já tá detonado.

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade