13
abr
2014

Detento encontrado morto no corredor da CCPJ em Pedrinhas

Em 2014 já foram doze assassinatos de detentos nos presídios maranhenses.

João Altair Oliveira Silva, de 18 anos, preso na Central de Custódia de Presos de Justiça (CCPJ), no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís foi encontrado morto com perfurações pelo corpo. A Sejap confirma a morte, mas não se pronunciou oficialmente até o momento.

O corpo foi encontrado pelos monitores no corredor da unidade. Com o assassinato de João Altair, subiu para 12 o números de detentos mortos nos presídios maranhenses. (LEMBRE)

Este ano, os assassinatos aconteceram no Presídio de Pedrinhas; Central de Custódia Preso de Justiça (CCPJ) do Anil; Centro de Ressocialização de Presos de Santa Inês; Unidades prisionais nos municípios de Balsas, Rosário e na Delegacia Regional de Itapecuru Mirim e até morte por descarga elétrica dentro da Unidade Prisional do Olha D’água em São Luís. O último tinha ocorrido no Presídio Jorge Vieira, no município de Timon.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo