04
ago
2015

Deputados estaduais que devem explicações aos maranhenses

Com o inicio dos trabalhos no segundo semestre de 2015 na Assembléia Legislativa, pelo menos quadro deputados precisam usar a honrosa Tribuna da Casa e defender suas honras, pois foram alvos de sérias denúncias durantes o recesso parlamentar.

192135202-2113632817noticia

Consultas cardiológicas fantasmas.

A deputada Nina Melo (PMDB), por exemplo, foi acusada de acordo com auditoria do Governo do Maranhão, de encabeçar um esquema de realização de consultas cardiológicas fantasmas.

Segundo as investigações, tudo aconteceu através da sua unidade médica a Clínica do Coração, localizada no município de Colinas, Nina – médica cardiologista – simulou a quantidade máxima de consultas que lhe renderiam o repasse integral de um convênio celebrado com o Estado, de 250 mil reais por mês. Foram nada menos que 160 consultas cardiológicas  em um único dia. Algo sem possibilidade de acontecer!

braide

Nomeação de acusado e doação de R$ 50 mil.

Eduardo Braide(PMN) é outro deputado estadual que está mais sujo que pau de galinheiro. Até hoje o parlamentar não explicou como o empresário Fabiano Bezerra foi nomeado em seu gabinete com símbolo ISOLADO na função de Técnico parlamentar Especial, conforme publicação do Diário de 14 de agosto de 2014. Bezerra é acusado pelo Ministério Público e pelas policias Civil e Federal de fazer parte de uma da organização criminosa [junto com Carlos Braide] que desviou mais de R$ 13 milhões dos cofres públicos da Prefeitura de Anajatuba.

Outra acusação contra o deputado é a relação financeira com o pai, ex-presidente da Assembleia Legislativa do Estado, Antônio Carlos Braide. Nas eleições de 2014, o filho recebeu uma doação de R$ 50 mil para a campanha eleitoral do filho. Eduardo era candidato a deputado pelo PMN e se reelegeu para o segundo mandato com 47.519 votos. A doação pode ligar o deputado ao esquema de desvio de verbas na prefeitura anajatubense.

souzaneto

Doações da Ires Engenharia Comércio e Representação.

A dupla Andreia Murad(PMDB) e Souza Neto(PTN), filha e genro do ex-secretário de saúde do estado, Ricardo Murad, são outros dois deputados estaduais que precisam falar à sociedade sobre as acusações contra suas condutas.

A empresa que recebeu R$ 4,8 milhões para a construção de um hospital fantasma em Rosário, a Ires Engenharia Comércio e Representação, foi uma das doadoras de campanha dos candidatos (Andréa e Souza).

A Ires, fez doações de R$ 60 mil para André e de R$ 40 mil para Souza Neto, aumentando assim a suspeita de uma espécie de encontro de contas do dinheiro desviado. A auditoria revelou também que Ricardo Murad fez o pagamento milionário de forma irregular à construtora Ires Engenharia Comércio e Representação.

vinicius louro 6

Transferências da Prefeitura de Trizidela do Vale, direto na sua conta pessoal.

Vinicius Louro(PR) é um deputado estadual extremamente complicado, talvez mais até que os citados acima. Documentos flagraram vultuosas transferências desordenadas de diversas contas da Prefeitura de Trizidela do Vale, direto na conta pessoal do parlamentar.

A denuncia deixa claro que foram usadas 8 (oito) diferentes contas para realizar 31 (trinta e uma) transferências particulares referente a negócios com sérias suspeitas de serem fraudulentos entre o parlamentar e o Prefeito de Trizidela do Vale Charles Frederick Maia Fernandes, o Fred Maia(PMDB).

Portanto, todas as denúncias publicadas pela imprensa local no mês das férias, carecem de esclarecimentos dos nobres parlamentares, caso queiram, devem usar o poder de parlar, desta forma, com a palavra: Nina Melo, Eduardo Braide, Andreia Murad, Souza Neto e Vinicius Louro…

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo