16
maio
2016

Deputada filha de chefe de organização criminosa pode estar com perda de memória

aNDREA E YOMAR

Deputada está com sérios problemas de esquecimento…

A deputada Andrea Murad (PMDB), filha do ex-deputado Ricardo Murad, chefe da organização criminosa, que segundo a Polícia Federal e o Ministério Público Federal, desviou cerca de R$ 1,2 bilhão da secretaria de Saúde do Estado, com apenas 34 anos, pode estar como perda de memória progressiva o que acarreta em dificuldade de raciocinar.

Essa é a única explicação para compreender o comportamento da parlamentar na Tribuna da Assembléia Legislativa.

Andrea Trovão Murad Barros esqueceu das suas origens familiares ‘hereditárias’ corruptas e agora deu de apontar o dedo sujo para o governador Flávio Dino e todos aqueles que o apoiam. Ela não lembra mais que o pai é queimado até a alma devido as práticas corruptas, segundo os órgãos de controle e fiscalização de recursos públicos.

A memória da parlamentar está tão frágil que não lembra mais que seu genitor é ‘expert’ em extorsão e chantagem: prática comum durante a gestão Murad pela secretaria de Saúde do Estado.

A deputada também deslembra, que seu pai, foi preso coercitivamente pela Polícia Federal (PF) em novembro do ano passado durante o deflagrar da Operação Sermão aos Peixes.

Corrupto de carteirinha, Murad foi alvo da investigação que teve início em 2010, quando ele terceirizou a gestão da saúde estadual para organizações sociais e de Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip), a exemplo das conhecidas Bem Viver, ICN e IDAC. Todas teriam superfaturado contratos de serviços de alimentação, lavanderia, limpeza e manutenção predial, entre outros.

Será que Andrea Murad já olvidou o modus operandi pelo qual foi eleita?

Para refrescar sua memória afetada, digo: segundo a CGU, sua campanha eleitoral foi financiada por dinheiro supostamente desviado de obras e serviços superfaturados da saúde pública. O relatório apontou um desvio de R$ 114 milhões de reais do Fundo Estadual de Saúde. Ao todo, três empresas financiaram R$ 1,2 milhão a campanhas e partido, em especial durante o último mandato de Roseana.

Doações

andrea-murad

CGU, MPU e PF não têm dúvida que campanha de Andre Murad foi financiada com dinheiro da Saúde do Maranhão…

A maior doadora de Andrea foi a Litucera, que prestava serviço de limpeza e alimentação de unidades de saúde. Em 2012 e 2014, ela fez 63 doações, em um total de R$ 968 mil.

Em 2014, a empreiteira doou 200 mil á hoje deputada e sobrinha de Roseana. “Talvez aí esteja a explicação para a Litucera ser a empresa com o maior faturamento no âmbito dos Contratos de Gestão e Termos de Parceria (período 2010 a 2013) e para tamanho do superfaturamento apurado na auditoria”, relata CGU, citando uma diferença entre valores de serviços prestados e pagos superiores a R$ 4 milhões.

Outra empresa que foi beneficiada pelo suposto esquema e fez doações a Andrea foi a Tempo Engenharia. Em 2014, a deputada recebeu R$ 84 mil para a sua campanha.  “É possível que tais doações tenham origem em recursos desviados, haja vista que, consoante detalhadamente deste relatório, houve superfaturamento nos pagamentos da Tempo Engenharia e Arquitetura Ltda em razão do pagamento por serviços não prestados”, disse a CGU. A empresa foi contratada para manutenção predial.

A terceira empresa envolvida no esquema foi a Lavatec, que prestou serviços de lavanderia e repassou R$ 100 mil à campanha de Maria Tereza Murad [mãe de Andrea] em 2012.

Portanto, a deputada não tem moral nem ética para criticar quem quer que seja de corrupto.

Simples assim!

*O Mal de Alzheimer vai piorando com o avançar do tempo, sendo que numa fase mais avançada da doença o paciente tem de ser cuidado por familiares.

2 Comentários

  1. Elias S. disse:

    VOCÊ É O BLOGUEIRO OFICIAL DO GOVERNO , DO GOVERNADOR FLAVIO DINO? você defende intensivamente e agressivamente o mesmo todos os dias e omite tudo que fazem de negativo. Bem tendencioso, não acha?

  2. Junior disse:

    Para começo de conversa, procure primeiramente se informar corretamente e assim prestar a informação de forma CORRETA. o Ex. Secretario NÃO FOI PRESO COERCITIVAMENTE e SIM LEVADO COERCITIVAMENTE PARA PRESTAR DEPOIMENTO. Simples assim.

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Cancelar Resposta

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

Publicidade