Fazendo pouco da justiça maranhense, prefeita França do Macaquinho (de Santa Luzia) comemora e alardeia vitória no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão antes do julgamento.

Conversa da prefeita com aliado acabou vazando…

O processo que pede a cassação da prefeita de Santa Luzia, Francilene Paixão de Queiroz, a França do Macaquinho (PP), e deve ser julgado nesta terça-feira (26) no Plenário do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, pode gerar um grande embaraço no TRE-MA.

É que uma conversa da prefeita (print ao lado) com um aliado acabou vazando, e o conteúdo, expõe os membros da Corte eleitoral maranhense.

Segundo informações repassadas por uma fonte luziense ao Blog do Domingos Costa, o diálogo mantido por meio de WhatsApp com uma pessoa próxima da gestora aconteceu na semana passada.

Sem temer a justiça maranhense, a prefeita conta vitória antes do tempo, chega ao ponto de assegurar o resultado de seu processo dias antes do julgamento.

Na conversa vazada, ela diz: “Não se preocupe, está tudo sob controle. Já conseguimos os votos necessários e sairemos vitoriosos nessa batalha”. antecipa a prefeita.

França continua a conversa e revela que reuniu com desembargadores, mas não revela os nomes dos magistrados: Já sentamos com os desembargadores, irão nos ajudar”. Comemora a gestora.

– Sobre o processo 

A Procuradoria Regional Eleitoral no Maranhão (PRE/MA) se manifestou favorável à cassação do mandato da prefeita de Santa Luzia, Francilene Paixão de Queiroz, e do vice-prefeito, Juscelino da Cruz Filgueira Júnior, por compra de votos e conduta abusiva do poder econômico.

O parecer da PRE/MA refere-se a recurso eleitoral interposto pelo candidato a prefeito Airton Chagas Cavalcante, em desfavor da sentença proferida pela juíza da 70ª Zona Eleitoral, Clécia Pereira Monteiro, que julgou improcedente os pedidos veiculados na ação de investigação judicial eleitoral por captação ilícita de sufrágio por ele ajuizada em faca da prefeita.

– Perguntas que não querem calar

Como assim justiça brasileira?

Onde esta a dignidade da justiça maranhense?

Como pode um gestor público se vangloriar em uma rede social por comprar votos de magistrados.

Aonde iremos chegar?

Como aceitar uma conduta dessa de um gestor público?

Será que todos estão à venda? Segundo a Prefeita França do Macaquinho, sim!

Agora, resta apenas esperar se realmente a Prefeita “previu” sua vitória?

– Abaixo confira o parecer da Procuradoria Regional Eleitoral no Maranhão (PRE/MA) se manifestou favorável à cassação do mandato da prefeita:

One Response so far.

  1. […] As palavras acima fazem parte de um trecho do direito de resposta que a prefeita de Santa Luzia, Francilene Paixão de Queiroz, conhecida popularmente como França do Macaquinho (PP), enviou a um blog de São Luis após o mesmo ter postado fake news com claro objetivo de indispor a gestora municipal com a Justiça Eleitoral (veja aqui). […]