07
ago
2014

Com Lobão Ministro, conta de luz ficará mais cara

Impacto de empréstimos na conta de luz chegará a 2,6% em 2015

Ministro das Minas e Energia, Edson Lobão

Após anunciar alta no preço da gasolina, desta vez o Governo, através do Ministério das Minas e Energia, divulgou uma estimativa de alta também no preço da conta de luz, que poderá ser reajustado já no próximo ano.

O impacto dos empréstimos feitos às distribuidoras de energia para os consumidores alcançará 2,6% em 2015, chegando a 5,6% em 2016 e 1,4% em 2017, considerando o montante de R$ 17,7 bilhões que será repassado para cobrir as despesas das distribuidoras, segundo o Ministério de Minas e Energia (MME).

Em comunicado divulgado ontem (6), o ministério diz que o vencimento de concessões de geração de energia no ano que vem vai amenizar significativamente o custo do empréstimo para as distribuidoras.

Segundo o MME, as concessões que vencem em 2015 terão energia contratada sob o regime de cotas de garantia física e de potência, o que fará com que a energia fique mais barata, porém, ainda mais cara do que o valor pago atualmente. As distribuidoras já fizeram um empréstimo de R$ 11,2 bilhões, mas agora o Ministério da Fazenda negocia um novo empréstimo, de R$ 6,5 bilhões, para amenizar o impacto da compra de energia mais cara de termelétricas pelas distribuidoras.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade