27
out
2014

“Bate-latas” da JPMDB estão na lista dos exonerados da Casa Civil

edinho-chega2

Wellington Goveia em destaque com megafone, ex-presidente UMES de São Luís e atual presidente da Juventude do PMDB da Capital.

Pelo menos dois nomes que ainda fazem parte da Direção da Juventude do PMDB no Maranhão já foram identificados pelo Blog Do Domingos Costa, na lista dos exonerados da Casa Civil do Governo do Estado que recebiam sem trabalhar.

A Casa Civil estava tão abarrotada de funcionários “come e dorme” que em menos de um mês, após a derrota do candidato da oligarquia sarney,  já foram 187 pessoas exoneradas somente na pasta comandada por Anna Graziella Santana Neiva Costa.

Primeiro foram 40 colocados para o olho da rua, entre os dias 6 e 13 de outubro. Logo em seguida, nada mais que 55 tiveram suas exonerações publicadas no Diário Oficial dos dias 14 e 15 de outubro.

E agora para aumentar o desemprego no estado, Roseana mandou defenestrar do Governo, entre os dias 16 e 22, mais 92 pessoas. Entre os que entraram na faxina, constam o irreverente Wellington e Silva Goveia e o aleivoso Francisco de Assis Costa Filho.

O primeiro, Wellington Goveia ex-presidente da escandalosa UMES de São Luís e atual presidente da Juventude do PMDB da Capital, era o responsáveis pelo megafone  nos atos que a JPMDB participava. Função principal: Ficar gritando com o apetrecho nas mãos.

Para tamanha função, Goveia estava pendurado no cargo em comissão de Assessor Sênior, Símbolo DAS-1, da Casa Civil.

250097_374963645956729_745645345_n

Ex-Vereador e também ex-Presidente a UMES de Pio XII, Assis Filho é o atual presidente da JPMDB no Maranhão.

Outro que foi premiado e não faz mais parte do fim do governo Roseana, é Francisco de Assis Costa Filho. Ex-Presidente a UMES de Pio XII, no Município também foi Vereador  por um mandato, Assis Filho atualmente é o presidente da JPMDB no Maranhão.

Para tramar atos de vandalismo contra a oposição, Assis Filho estava no cargo em comissão de Assessor Especial de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas, Símbolo Isolado, da Casa Civil.

Assis Filho, Wellington Goveia e mais meia dúzia de membros bate-latas da JPMDB são os mesmos acusados de ato de vandalismo contra o prédio da Prefeitura de São Luís, durante os atos do VEM PRA RUA, realizados em junho do ano passado. Foram eles também os autores do quebra-quebra na sede do Sindicato dos Bancários em São Luis, durante o lançamento do livro Honoráveis Bandidos em 2009.

E mais recentemente, durante a campanha eleitoral, precisamente na madrugada do dia 19/09, membros da JPMDB foram flagrados pelas câmeras de monitoramento da SSSP e pela Polícia Militar, pichando a sede da Prefeitura, com eles foram encontrados materiais de pichações, o mesmo usado contra o Palácio de La Ravardiere e outros prédios do centro histórico da cidade.

5 Comentários

  1. blank Junior disse:

    Sua bicha chuapadora de rola, o que é teu ta guardado, me paga seu viado ladrão.

  2. blank jofran disse:

    Era tanta gente recebendo neste governo, e agora??? Como vai ficar esse povo que recebia sem trabalhar, Wellington Gouveia, Assis Filho, Iago , todos os funcionários de Roberto Costa, até o cantor (Boscotô) de Roberto recebia no governo de Sinhá Rose!!! Armaria, nã

  3. blank Carlos disse:

    Esses aí são os que menos estão preocupados com o fim do governo Roseana. Tem um senador de mandato, reelegeram o deputado estadual Roberto Costa e agora ainda tterão o federal João Marcelo.

  4. blank Marcão disse:

    E Karla Não Faz Nada Brandão piorski??? A barraqueira! Sperintende Politicas Publicas de Juventude?? Uma velha daquela q não fez absolutamente nada pela juventude do Marasnhão. Tem q ir pra rua tb!

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo