26
set

ÁUDIOS, parte III: Ociléia dá aula de como fraudar prestação de contas à Justiça Eleitoral

Novos trechos de áudios flagram a candidata a prefeita do PRB em Raposa ensinando, de forma minuciosa, como fraudar prestações de contas que serão entregues à Justiça Eleitoral para devida apreciação.

14469239_1168676253212542_1410669500_n

Candidata do PRB e seu vice não conseguiram esconder o semblante de fracasso ontem, domingo (25), durante comício.

Neste terceiro post EXCLUSIVO da série relevadora dos áudios da candidata a prefeita do município de Raposa, Ociléia Fernandes Carneiro (PRB), detalhando como compra votos do eleitorado nestas eleições, o blog trás agora mais três novas declarações da filha do ex-prefeito Paraíba, de como ela atua para enganar a Justiça Eleitoral no que diz respeito à prestação de contas de sua campanha.

Assim como nos áudios anteriores, a candidata da Coligação “Raposa para todos” conversa com um de seus candidatos a vereadores na sala de sua residência, no Sítio Veneza. O diálogo aconteceu no  dia 14 [domingo] de agosto deste ano, por volta das 10h30.

– ÁUDIO 05 – Ociléia fala sobre sua conta bancária de campanha, diz que já estar aberta, entretanto, confessa não ter movimentação bancária para justificar os carros de som que, segundo ela, estão prontos para botar na rua. E pior, mesmo ainda sem dinheiro na conta, a republicana revela que seu material gráfico está todo pronto. E orienta a pessoa com quem conversa pegar a quantia de R$ 2 (dois) mil reais que será dado por ela a ser depositado na conta de candidatura. Ouça abaixo:

” […] A Lei diz três dias, mas na um pede cinco, mas lá já até me ligou dizendo que a minha já tá aberta, já vou segunda-feira[15/08], fazer um depósito, uma pessoa me doar alguma coisa, pra poder justificar os carros de som que eu vou botar nas ruas, porque terça-feira[16/08] e quarta-feira[17/08] já quero carro de som na rua… Meu material tá todo pronto, meu material gráfico, de vocês só tá esperando essa conta. Por que? Porque tu tem que pegar esse dinheiro, botar pra alguém jogar na tua conta, pelo menos uns R$ 2 (dois) mil reais, tem que arrumar alguém, tu, tu, tu… Tu declara imposto?”[…] afirma a candidata.

– ÁUDIO 06 – Ociléia pede a um candidato a vereador que convença uma pessoa de confiança e a leve até o banco para usar o nome, tipo um laranja, assim fazer uma espécie de lavagem dinheiro de campanha eleitoral. Pelos ensinamentos da candidata a prefeita, o dinheiro tem que passar pela conta de fachada de uma terceira pessoa e depois ser sacado para driblar a fiscalização da Justiça Eleitoral.

                    ” […] Botar na conta dele e transferir pra tua conta de novo, tem que ser uma pessoa de muita de confiança, bem de confiança e imediato! Pegou hoje!? Hoje mesmo… O certo sabe qual é? Ir pro banco com uma pessoa, passa pela conta direto pra tua, porque ai com esse dinheiro, tu saca! Não sei como pessoal [candidatos de outros grupos políticos] tem um monte de candidato pra se resolver, vai ter um monte que nunca mais na vida vai ser candidato.”[…] diz Ociléia.

– ÁUDIO 07 – Neste trecho, a candidata ensina, novamente como enganar a Justiça. Ociléia alega veementemente, que o material gráfico de campanha será gratuito. Mas é preciso realizar uma manobra depositando o valor de mil reais para a conta da gráfica que será prontamente devolvido em espécie.

” […] Nos eventos do material gráfico… Sim, esses R$ 2.000,00 (dois mil) que tu vai passar, tipo R$ 1.000,00 (mil reais) pra gráfica, ai a gráfica te devolve, porque o material é de graça, pra puder jogar o material gráfico na rua. Tudo isso vai atrasar cara! Que antigamente começava o primeiro dia a gente já jogava tudo na rua porque prestava [contas] só no final, agora não […] Porra, tá muito chato isso” […] diz Ociléia.

Outro lado – Sobre as publicações reveladoras do blog, a candidata foi questionada durante entrevista concedida ao programa Resenha, da TV Difusora, filiado do SBT no Maranhão, na manhã do último sábado (24) pelo jornalista Clodoaldo Correia, entretanto, em vez de responder acerca do assunto, ela apenas se limitou a dizer que “é vítima de uma armação”.

E na noite de ontem, domingo (25), durante o nada empolgante comício da candidata realizado em um pequeno pedaço da “Avenida do Capote”, Ociléia em vez de apresentar propostas para seu “tacanho” eleitorado, preferiu acusar o titular do blog de “sem escrúpulo e incompetente”.

Ora, mas a voz que aparece nos áudios pertence a dona Ociléia, portanto, quem é carente de escrúpulo, na verdade, é exatamente a senhora, que de forma irresponsável burla a disputa eleitoral ao oferecer vantagens financeiras em troca de votos.

  • Leia também:

– BOMBA! Candidata a prefeita de Raposa é flagrada em áudios reveladores, confira

– Áudio: Ociléia diz que “amarra voto com enxovalzinho de 100 reais”, em Raposa

– Após áudios, Ministério Público Eleitoral abre investigação contra candidata Ociléia

1 Comentário

  1. souza disse:

    até vocês estão do lado desse prefeito que só faz obra no final do mandato, não poderia ser diferente vocês são iguais a ele ou pior.

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894
Celular: (98) 98160-1081

RÁDIO TIMBIRA

Publicidade