07
nov
2013

Até o PAC Luís Fernado usa para promover campanha e atacar adversários

A entrega de retroescavadeiras a pequenos municípios, anunciada pela presidente Dilma Rousseff (PT) no início do ano, está tendo uma peculiaridade no Maranhão. Um vídeo mostra que o programa do Ministério do Desenvolvimento Agrário foi usado pelo pré-candidato da família Sarney ao governo do estado para promover atos de campanha.

Deputados federais, estaduais e vereadores estão denunciando que o evento realizado para entrega das máquinas do PAC, realizado semana retrasada em Imperatriz, foi marcado pelo personalismo em torno do pré-candidato Luis Fernando, apoiado pelo governo do estado, e foi eivado de ataques políticos contra o pré-candidato da oposição, Flávio Dino (PCdoB), que lidera as pesquisas para sucessão de Roseana Sarney no próximo ano.

Luís Fernando Silva transformou evento do PAC 2 em pelo pré-candidato da família Sarney ao governo do estado para promover atos de campanha.

Luís Fernando Silva transformou evento do Ministério do Desenvolvimento Social em ato de pré-campanha.

Nem a governadora, nem o vice-governador, nem autoridades do Ministério compareceram ao ato. Somente o pré-candidato Luís Fernando Silva (PMDB), que foi o centro do evento, e deputados federais do grupo Sarney. Os abusos aconteceram desde a mobilização por telefone feita pelo Governo do Estado – em que lideranças políticas e “correligionários” eram convidados para “prestigiar o dr. Luís Fernando”, – até a realização da entrega das máquinas, cujo investimento foi feito pelo Governo Federal, caracterizando-se o caráter eleitoral.

Dois discursos chamaram a atenção das lideranças políticas locais. O deputado federal Francisco Escórcio (PMDB) atacou frontalmente o pré-candidato da oposição. “Tem uns caras aí que hoje todo mundo está atrás deles. Sabe por quê? Porque ele deixa a Embratur quinta, sexta, sábado e domingo. Deixa a Embratur à própria sorte”, disse o deputado, em pleno evento governamental, como se estivesse em um palanque de campanha.

Já o pré-candidato a governo do estado apoiado pela família Sarney encarregou-se de se autopromover dizendo representar a verdadeira mudança, apesar de representar um grupo que governa há quase 50 anos. Afirmou que “a mudança de verdade não é uma mudança de promessas, uma mudança de gogó. A mudança é aquela que você olha e aprova,” fazendo alusão ao discurso oposicionista no estado – que utiliza a palavra “mudança” como mote para o combate político.

O DEPUTADO FEDERAL Simplício Araújo denunciou o caso hoje na Câmara Federal:

“Quero denunciar a utilização de ações, que deveriam ter como único objetivo o bem estar da população maranhense para fins políticos. A utilização da máquina pública em favor do pré-candidato da governadora Roseana Sarney e para achincalhar o presidente da Embratur é uma afronta à sociedade. Essas patrulhas não podem ser utilizadas dessa forma”, afirmou o parlamentar.

1 Comentário

  1. Herbert Garcia Amorim disse:

    Eita, o VLS ta desesperado…

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Cancelar Resposta

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade