16
out

Assombrado pela agiotagem, Miltinho tira 30 dias de férias em São Mateus

Prefeito teve duas folhas de cheques da Prefeitura de São Mateus encontradas pela Gaeco e Polícia Civil em posse do agiota Pacovan.

Agiotagem “perturba” Miltinho…

O prefeito de São Mateus, Miltinho Aragão (PSB), tirou férias por 30 dias e o cargo começou ser ocupado pelo vice-prefeito, Ivo Rezende, o jovem insosso na política local é seu sobrinho e será o candidato a sucessão do próprio tio.

As férias se estendem de 15 de outubro a 14 de novembro.

Miltinho é um dos prefeitos que, em operação conjunta do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público (MP) estadual e da Polícia Civil do Maranhão, desencadeada no início de maio de 2015, teve folhas de cheques – duas de R$ 106.667,00 – encontradas em posse do agiota Josival Cavalcante da Silva, o Pacovan. Os cheques, inclusive, estavam datados para saques próximos ao dia da operação.

O prefeito até hoje não consegue dormir com tranquilidade por medo da polícia bater à sua porta.

Os cheques comprovante o envolvimento da gestão do prefeito de São Mateus com a prática de agiotagem, além da negociata com Pacovan foi de R$ 820 mil para cobrir o dinheiro surrupiado do Fundo de Previdência do município.

A única medida que Miltinho tomou sobre o caso foi afastar o tesoureiro da prefeitura, Washington José Oliveira [espécie de arquivo vivo], que numa de bode expiatório chegou a assumir o repasse das folhas de cheque da prefeitura para Pacovan.

O caso está mais vivo do que nunca…

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894
Celular: (98) 98160-1081

RÁDIO TIMBIRA

https://www.ma.gov.br/wp-content/uploads/2018/07/Timbira-Banner-player-2018.gif?w=700

Publicidade