10
dez
2014

Assassinato de jovem na Cidade Olímpica pode ter relações com homofobia

Moisés William Aguiar, de apenas 17 anos, foi assassinato com três disparos de arma de fogo, ele era Morador da Cidade Operária.

Moisés William Aguiar, 17 anos, assassinato com três tiros

Em apenas 9 dias do último mês de 2014,  já foram registradas 27 mortes violentas na Região Metropolitana da Grande São Luís.

E para aumentar esse número assustador, na noite de ontem terça-feira 09/12, no bairro da Cidade Olímpica, Moisés William Aguiar, de apenas 17 anos, foi assassinato com três disparos de arma de fogo, ele era Morador da Cidade Operária.

O crime aconteceu na Rua 3. O blog apurou que Moisés era funcionário de um salão de beleza no bairro onde residia. A vítima por diversas vezes foi aconselhado a não transitar pelo bairro onde foi morto, mas não ouviu.

O crime teria sido praticado por três bandidos que ainda não foram identificados. Segundo testemunhas, a motivação tem relação com criminosos da região que não gostavam do comportamento de Moisés, diante da sua orientação sexual.

1 Comentário

  1. luis eduardo disse:

    Para os gringos na copa tinha até o exército na rua, para todos os outros trabalhadores (como este menino, porque é um menino, não homem, não tinha nem 18…) tem os bandidos para nos assaltar e matar… Roubaram o coitado e ainda mataram por ser gay… Triste isso, pobre da mãe e das irmãs…

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo