15
dez
2016

Após derrota nas urnas, Fábio Câmara falta 32 sessões consecutivas

Esperava-se que o parlamentar participasse da última sessão da atual legislatura, realizada ontem (14), no entanto, o vereador não aparaceu para despedir-se do parlamento pelo qual atuou quase quatro anos.

Fabio também não apareceu na última sessão da Câmara realizado nesta quarta-feira, dia 14.

O vereador Fábio Câmara sumiu de seu posto de trabalho no parlamento da Capital desde que foi derrotado  na eleição majoritária no último dia 02 de outubro, em São Luis.

Fábio ficou apenas em quinto lugar, com pífios 19.045 votos (3,63%). A ausência do parlamentar na Câmara foi notada tanto pelos funcionários da Casa quanto pelos colegas do Plenário Simão Estácio da Silveira.

“Desde que perdeu a eleição Fábio sumiu da Câmara até o gabinete dele não abre mais a porta”, informou uma servidora antiga do Poder Legislativo que não quis revelar o nome.

Na manhã de ontem, quarta-feira (14), a Câmara realizou a última sessão na atual legislatura. Pensava-se que o peemedebista iria ‘dar as caras’, ao menos para se despedir – vez que sua atuação enquanto oposição não foi das piores nesses últimos quatro anos – mas que nada, Fábio fez questão de não pisar no Plenário e se despedir do povo.

O período de ausência do vereador se estende entre 03 de outubro a 14 de dezembro de 2016, portanto, 73 dias corridos. Tirando os finais de semanas e o feriado do dia 15 de novembro – Proclamação da República – além dos dias que não têm sessão no parlamento municipal (quinta e sexta), sobram 32 dias de sessões sem a presença de Fábio.

Evidente, que nesse espaço de tempo algumas sessões deixaram de acontecer por falta de quórum. E mesmo se tivessem ocorridas as deliberações, o presidente municipal do PMDB tinha somado as mesmas faltas, pois também não apareceu em Plenário.

O blog tentou contato com o vereador para falar a respeito, mas sem sucesso. A assessoria também não quis se pronunciar.

A secretaria da Mesa Diretora da Câmara de São Luís não informou que tipo de justificativa documental Fábio usou para “sumir” do Parlamento sem perder o mandato que encerra no próximo dia 31.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo