07
mar
2017

Apenas com a sonorização da Passarela do Samba, Botão gastou mais de meio milhão

Extrato do contrato do pregão presencial de sonorização da passarela…

Acabou o carnaval. É hora de colocar na ponta do lápis quanto custou a folia aos cofres públicos. E é claro, saber, necessariamente, no que foi gasto o dinheiro do contribuinte.

A passarela do samba, por exemplo, montada no Anel Viário em São Luís, custa alto para os cofres públicos.

Não bastasse o preço exorbitante do aluguel das arquibancadas e camarotes, a prefeitura por meio da secretaria Municipal de Cultura (SECULT) ainda tem que licitar também toda a parte de sonorização

Secretário de Cultura da Capital, o petista Marlon Botão.

Este ano de 2017, o som da Passarela custou nada menos que R$ 540.000,00 (quinhentos e quarenta mil reais).

Conforme o extrato de contrato 06/2017, publicado no diário oficial do Município, a vencedora foi a empresa Núcleo Arquitetura e Eventos LTDA. Toda a bolada já foi devidamente paga!

Em tempos de crise econômica, que inclusive, levou algumas capitais a nem realizar carnaval este ano, o secretário Marlon Botão gastar mais de meio milhão apenas com sonorização beira o absurdo!

E você acha que foi apenas esse ‘disparatado’ com recursos públicos que ocorreu nesse carnaval? Que nada! O blog aprofundou no caso e encontrou outras situações surreais.

Até mais…

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo