31
maio
2015

Agora só falta o vigilante Luís Carlos Machado de Almeida

11311902_865193670227470_2136826751_n (1)

Luiz Carlos, funcionário do município de Vitória do Mearim, encontra-se foragido, mas as diligências realizadas pelas Polícias Civil e Militar continuam, com o objetivo de prendê-lo.

Os policiais militares envolvidos no fato que culminou na morte do mecânico montador Irinaldo Batalha, 34 anos, na tarde de quinta-feira (28), no município de Vitória do Mearim, foram presos e autuados em flagrante pela Delegacia de Homicídios em São Luís, e responderão pelo crime de homicídio qualificado.

O principal suspeito de cometer o crime, o vigilante identificado por Luís Carlos Machado de Almeida, funcionário do município de Vitória do Mearim, que teria executado um dos assaltantes com dois tiros após perseguição policial, encontra-se foragido, mas as diligências realizadas pelas Polícias Civil e Militar continuam, com o objetivo de prendê-lo.

O coronel Marco Antônio Alves explicou que após a polícia ter acesso às imagens que mostram a execução de Irinaldo Batalha e a consequente identificação do vigilante Luiz Carlos, as buscas para realizar sua prisão foram intensificadas, uma vez que o mesmo encontra-se foragido.

Ele explicou ainda que os policiais relataram que o vigia Luis Carlos estava na viatura acompanhando a ação. “Os militares disseram que o vigilante era uma pessoa conhecida na cidade e sempre dava apoio à polícia, sendo funcionário do município. Ele teria sido levado para trazer a motocicleta após a prisão dos suspeitos e quando o garupa foi atingido e veio ao solo ele teria sido designado para permanecer no local e fazer a segurança da área, uma vez que a perseguição continuou”, declarou.

doris

O vigilante Luiz Carlos foi designado para permanecer no local e fazer a segurança da área.

“Os militares receberam ordens para se apresentarem no Comando Geral da PM, e assim o fizeram na noite desta sexta-feira (29), onde foi instaurado um processo administrativo para investigar a participação dos policiais no homicídio, além de terem sido autuados em flagrante pela Delegacia de Homicídios pelo crime de homicídio qualificado”, disse o  Marco Antônio Alves, comandante Geral da Polícia Militar do Maranhão.

Nota da Prefeita Dóris Ribeiro

Enfim a Prefeita de Vitória do Mearim, Dóris de Fátima Ribeiro Pearce, se pronunciou sobre o caso. Em nota, a gestora diz que a respeito da operação policial ocorrida na última quinta-feira (28) “vem a público registrar que lamenta profundamente o resultado da ação policial que culminou com a morte de um homem”.

Esclarece ainda que, “não poupará esforços a fim de colaborar com as investigações, convicta de que violência não se combate com violência e sim na observância da Lei e dos direitos humanos. E enfatiza que confia plenamente na capacidade e competência da Secretaria de Segurança Pública para a condução racional e justa do caso.

5 Comentários

  1. blank junior disse:

    A familia do mecânico devia entrar com uma ação de dano moral contra os blogueiros que continuam afirmando que o mesmo era assaltante.

  2. blank Mario disse:

    é um absurdo ainda tratarem a vítima deste crime bárbaro como assaltante,ele era trabalhador…Isso foi uma execução.

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

blank

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo