07
out
2014

A importância histórica da vitória de Roberto Rocha no Senado

Novo senadorAs eleições de 2014 ficarão, para sempre, marcadas na história política do Maranhão. Pela primeira vez a oposição obteve uma vitória dupla, elegendo governador e senador, e acabou com domínio do grupo Sarney que já durava 50 anos. Flávio Dino e Roberto Rocha saem das urnas vitoriosos e com uma grande responsabilidade: tirar o estado do atraso que se encontra.

Fortalecido pela expressiva votação, Roberto Rocha alcançou um feito inédito na política maranhense. Nunca um senador de oposição a oligarquia Sarney no Maranhão tinha conseguido se eleger. São quase 30 anos de comando do clã sob todas as três cadeiras destinadas ao estado no Senado Federal.

Com mais de 1,5 milhão de votos, Roberto Rocha representa o sentimento de mudança que o povo maranhense tanto sonhou. Mesmo com todo aparato do governo estadual e federal, seu principal concorrente, Gastão Vieira, não conseguiu fazer frente na vontade da população de modificar por completo a política do Maranhão.

Agora, o novo senador eleito tem como principal objetivo unir forças com Flávio Dino para construir um estado mais justo e igualitário. A participação de Roberto Rocha no Senado será essencial para a captação de recursos e consequente desenvolvimento do Maranhão. Um aliado em Brasília é peça-chave para Dino, já que o histórico da relação de senadores sarneysistas com governos de oposição tem como principal particularidade apenas os interesses políticos.

Mudança de perfil

Roberto Rocha no Senado representa não só a mudança de mentalidade política, mas também do perfil de senadores que representam o Maranhão em Brasília. Nomes como Epitácio Cafeteira, João Alberto, Edison Lobão e Roseana se enquadram na mesma característica que Gastão Vieira: políticos da confiança de José Sarney que ganham uma vaga no Senado como forma de gratidão pelos bons serviços prestados.

Romper esse círculo vicioso que se transformou o Senado maranhense denota o cansaço do povo com a atual política estadual. A vitória de Roberto Rocha foi um golpe para a oligarquia, pois foi um revés nunca imposto para o clã Sarney na história política do Maranhão.

Histórico político

Natural de São Luís, Roberto Rocha ingressou na política em 1990, quando, aos 26 anos, foi eleito deputado estadual. Quatro anos depois conquistou uma cadeira na Câmara Federal, sendo reeleito em 1998. Em 2002 foi candidato a governador.

Em 2006 foi novamente eleito deputado federal como o mais votado da história do Maranhão. Quatro anos mais tarde tentou uma vaga no Senado. Nas últimas eleições, em 2012, sagrou-se vice-prefeito de São Luís.

O histórico político, sobretudo atuando como deputado federal em Brasília, credenciam Roberto Rocha a ser um senador de destaque para o Maranhão. Trabalhando pelos interesses do povo e em consonância com Flávio Dino, Rocha tem todas as credenciais para ser o que o povo pediu nas urnas: o senador da mudança e de todos os maranhenses.

Em tempo, o senador eleito, Roberto Rocha (PSB), viaja hoje (7), para Brasília para participar de um encontro com Marina Silva e Beto Albuquerque, candidatos a presidente e vice, pelo seu partido, e que ficaram na terceira colocação, com mais de 20 milhões de votos.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste blog.

  • Você também pode comentar usando o Facebook!

Siga-me no Facebook

Contatos


Email: domingos.costa@hotmail.com
WhatsApp: (98) 98807-7894

Publicidade

TV TIMBIRA

blank

RÁDIO TIMBIRA

 

Rádio Timbira Ao Vivo