Você conhece o jeito “maranhês” de falar? A pesquisa abaixo é do O Imparcial.

======================================================   COMENTÁRIO






Gentil une os braços com Dino observado pelos principais líderes políticos do Maranhão, durante evento do PCdoB em SL.

O deputado federal Cleber Verde, presidente do PRB no Maranhão, começou a mostrar um pouco da sua musculatura política.

Na noite desta sexta-feira (20) a classe política foi surpreendida com a presença do prefeito do município de Caxias, Fábio Gentil, na Convenção Estadual do PCdoB, no Espaço Renascença em São Luís.

Aliado da família Marinho na cidade que administra, Gentil decidiu seguir orientação do partido e aderiu ao projeto de reeleição de Dino.

Agora, em Caxias, o governador passa a contar com o apoio das duas forças políticas, o atual prefeito e o ex-prefeito Humberto Coutinho (PDT), hoje presidente da Assembléia Legislativa do Maranhão.

A família Sarney restou apenas Paulo Marinho, que foi preso ontem(20) por não pagamento de pensão alimentícia.

======================================================   COMENTÁRIO






Lideranças políticas de diversos partidos, deputados estaduais e federais, prefeitos além de vereadores de inúmeras cidades maranhenses estiveram ao lado do governador Flávio Dino engrandecendo a Conferência Estadual do PCdoB na noite desta sexta-feira (21) no Espaço Renascença, em São Luís. Pelo que se viu na abertura do evento, unidade em favor da reeleição Dino não será problema em 2018…

======================================================   COMENTÁRIO






Uma manobra dos senadores Edison Lobão (PMDB), Roberto Rocha (PSDB) e João Alberto (PMDB) resultou no corte de R$ 90 milhões em recursos que deveriam ter sido destinados aos municípios para investimentos em ações no setor da saúde.

É que no começo deste mês de outubro, mais de 100 prefeitos, sob a liderança do presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (FAMEM), Cleomar Tema, estiveram em Brasília e receberam a garantia da bancada maranhense de que os R$ 160 milhões aos quais os parlamentares têm direito, através de emendas impositivas, seriam alocados no orçamento da União para o setor da saúde.

Acontece que Roberto Rocha, João Alberto e Edson Lonão mudaram e decidiram não mais cumprir o acordado. O objetivo foi evitar que o dinheiro fosse distribuído as prefeituras via governo do estado e desta forma, na visão dos senadores, beneficiar politicamente o governador Flávio Dino (PCdoB) nas eleições do próximo ano.

Por conta disso, dos R$ 160 milhões, apenas R$ 70 milhões foram destinados para a saúde das cidades. Os outros R$ 90 milhões serão enviados à Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (CODEVASF).

Lobão, Roberto Rocha e João Alberto: a vergonha do Maranhão.

======================================================   COMENTÁRIO






Pela manhã o Blog do Domingos Costa trouxe à tona que o ex-deputado federal Paulo Marinho foi preso em Caxias, por atraso no pagamento de pensão alimentícia. O que poucos sabiam era que, horas antes, o ex-prefeito esteja em Imperatriz onde acompanhava agenda do Governo Federal ao lado dos seus aliados Roberto Rocha (PSDB) e Edinho Lobão (PMDB). Marinho participou da entrega de residencial do programa Minha Casa Minha vida na cidade de Buriticupu na quinta-feira (19). Pouco depois foi para atrás das grades…

======================================================   COMENTÁRIO






Na tarde desta quinta-feira(20), o secretário Municipal de Meio Ambiente de de Raposa, Patrício Filho, flagrou uma caçamba da prefeitura de São José de Ribamar derramando lixo às margens da MA 203, estrada de acesso ao município.

Indignado, Patrício fotografou e fez um vídeo denunciando o caso ocorrido na altura do bairro do Caúra. “É uma situação de extrema insensibilidade, como pode?! Um veículo de uma outra cidade sair do seu âmbito e logar de formar irregular lixo em outra”, reclamou o secretário.

Procurada para falar sobre o episódio, a assessoria informou que vai apurar o caso.

Caçamba com nome da prefeitura de Ribamar possui também as marcas da empresas Vigas…

======================================================   COMENTÁRIO






‘Arrocha a beira Mar’, esse é o nome do show que o cantor Silvano Sales fará no próximo dia 03 de novembro no Viva do município de Raposa.

O evento privado com as marcas da rádio ‘Mais FM’ e Alegria Produções, também tem produção cultural do promoter Biscoito Azevedo, o B.A produções.

Um dos cantores mais badalados da atualidade, Silvano Salles – o cantor apaixonado – arrasta multidões com o seu arrocha.

Ao blog do Domingos Costa, B.A informou que todas as licenças estão sendo liberadas e o esquema de segurança e organização do show será detalhado na próxima semana quando a mídia oficial começa a ser veiculada.

“O Silvano irá cantar no Pop Festival amanhã [dia 21] em São Luís, então por questões contratuais só posso revelar mais detalhes sobre esse show que entrará para história de nossa querida cidade nos próximos dias”, afirmou Biscoito Azevedo.

O evento de frente para o mar promete arrastar uma multidão para Raposa. Ainda ainda não foi divulgado o valores dos ingressos nem os locais de compra.

======================================================   COMENTÁRIO






Paulo Marinho é pai do atual vice-prefeito de Caxias, Paulo Marinho Júnior.

A Polícia Militar cumpriu mandado de prisão em desfavor do ex-prefeito de Caxias, Paulo Marinho, pai do atual vice-prefeito, Paulo Marinho Júnior.

Também ex-deputado, o controverso político que coleciona confusões e polêmicas foi levado para o 1º Distrito Policial. Não é a primeira vez que Marinho é preso.

Pelas informações preliminares, nesta ocasião, a ação de pensão alimentícia que resulta em mais um constrangimento e, naturalmente, desgaste político a P.M custa apenas R$ 1,2 milhão.

======================================================   COMENTÁRIO






Prefeito recebeu equipamento do governador Flávio Dino e acompanhado do deputado Ricardo Rios…

O prefeito de Pio XII, Carlos do Biné, esteve juntamente com sua equipe, na capital do Estado, nesta quinta feira (19), para participar da solenidade de entrega de máquinas motoniveladoras aos municípios maranhenses.

O governador Flávio Dino comandou o evento, que contou também com a presença do Presidente da FAMEM, Cleomar Tema, que também é prefeito de Tuntum, secretários de estado e prefeitos. As máquinas vão ajudar a melhorar e recuperar as estradas vicinais, que são geralmente rurais e mais afastadas dos grandes centros.

A ação faz parte do programa Caminhos da Produção, que vem apoiando as prefeituras na melhoria das estradas vicinais. Também conhecido como patrol, o equipamento é usado para nivelar estradas e torná-las trafegáveis. A máquina também facilita os serviços de abertura de estradas e outros acessos viários.

O prefeito, Carlos do Biné, ressaltou as importantes parcerias que o governo do estado vem mantendo com os municípios maranhenses, tão vitais nestes tempos de crise: “agradeço o governador Flávio Dino em nome do povo de Pio XII pela importante colaboração que vem dando á nossa cidade. Isso mostra o compromisso que tem nosso governador com o povo do Maranhão, especialmente as pessoas mais carentes que mais necessitam de nossa ajuda.” Disse Biné.

O prefeito inda destacou o apoio que vem tendo por parte do deputado Estadual Ricardo Rios, parceiro de todas as horas e do Secretário de Articulação Política e Comunicação, Márcio Jerry, que também vem ajudando Pio XII.

Além da máquina motoniveladora, Pio XII também foi contemplado com uma patrulha agrícola e 20 kits de irrigação. O prefeito Carlos do Biné estava acompanhado da primeira dama Cássia Regina, e de demais secretários municipais.

======================================================   COMENTÁRIO






“Hoje as Prefeituras já estão demitindo, fechando programas. E para se evitar uma situação mais drástica, estamos pedindo socorro ao governo” , conta presidente de entidade municipalista de Pernambuco.

Durante encontro, prefeitos alegaram que “as receitas não acompanham as despesas”…

Em Sergipe, 52 prefeituras fecharam as portas por conta da crise que os municípios vem atravessando, a decisão pelo fechamento saiu em reunião dos gestores municipais que decidiram por unanimidade pela medida.

Liderados pelo presidente da Federação dos Municípios de Sergipe (Fames), Marcos Barreto, os prefeitos decidiram enviar manifesto à Presidência da República reivindicando a liberação de apoio financeiro ainda este ano. Barreto contou que 52 Prefeituras estão com as portas fechadas. A decisão foi tomada, por unanimidade, pelos prefeitos durante reunião na entidade estadual dias atrás, pela queda de receita e pelos descontos de precatórios e da previdência. “Na primeira parcela do FPM deste mês, 80% dos Municípios sergipanos tiveram o FPM zerado”, contou.

Problema

Os prefeitos argumentam que o Fundo de Participação dos Municípios (FPM) não está menor que o repassado em 2016, mas que os recursos estão sendo consumidos pelos programas federais subfinanciados, pelas dívidas previdenciárias e de precatórios e pela redução nos investimentos federais. Durante diversas falas, os prefeitos alegam que não há como fechar as contas.

O reajuste do salário mínimo, do piso salarial dos professores e de demais categorias profissionais também contribuem para a deterioração das finanças municipais, levando ao grave cenário de crise em que estão. Os representantes da CNM mostraram que esse é o principal problema: “as receitas não acompanham as despesas”. E é por isso que os prefeitos não estão conseguindo atender as necessidades básicas, inclusive de pagamento de pessoal.

Pernambuco

Municípios pernambucanos também passam por graves problemas, um clara mostra de que a situação é generalizada, afetando a todos. “O salário mínimo teve aumento, mas ainda assim não se compra agora o mesmo que se comprava em 2016”. Essa é a comparação que os prefeitos fazem para explicar os questionamentos de crise mesmo com o aumento do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), em relação ao ano passado.

“Hoje as Prefeituras já estão demitindo, fechando programas. E para se evitar uma situação mais drástica, estamos pedindo socorro ao governo” exemplificou o presidente da entidade municipalista de Pernambuco, que completou: “cada dia fica mais caro manter os serviços e os programas federais, que são subfinanciados”, falou presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), José Patriota.

“Se não ocorrer urgente reformulação do Pacto Federativo, em breve será impossível governar sem comprometer os limites legais e sem se responsabilizar administrativa e juridicamente”. Em determinado momento, Patriota informou que 144 Municípios do Estado já estão com os limites de gastos com pessoal extrapolados.

Segundo o representante da CNM, o cenário de dificuldades administrativas e financeiras das Prefeituras vai piorar ainda mais nos próximos dois anos. Ele faz sua afirmação baseadas nos cortes previsto no orçamento para 2018. “Só na Educação, o corte será de 42%; na Cultura corte será 72%; Turismo corte de R$ 70%; e Assistência Social corte de 98%. Ou seja, praticamente não haverá verba”, contou Cezário com números atuais do projeto de orçamento federal.

======================================================   COMENTÁRIO

Página 1 de 79312345...102030...Última »