elisangela21Elisângela Cardoso foi anunciada na manhã desta terça-feira (11), pelo governador eleito Flávio Dino, como próxima presidente da Fundação da Criança e do Adolescente (Funac). Esse é o 20º anúncio de composição de equipe através das redes sociais.

Com militância nos movimentos sociais ligados à defesa dos direitos da criança e do adolescente há mais de 20 anos, Elisângela Cardoso fará parte da equipe da próxima administração.

Conheça o perfil da nova presidente:

ELISÂNGELA CARDOSO – Fundação da Criança e do Adolescente (Funac)

Elisângela Cardoso é formada em Pedagogia e pós-graduanda em Educação Integral pela UFMA. Com militância nos movimentos sociais ligados à defesa dos direitos da criança e do adolescente há mais de 20 anos, Elisângela foi presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de São Luís por duas gestões consecutivas, e do Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do Adolescente. Atualmente, é superintendente de Proteção Social Especial – Alta Complexidade na Secretaria Municipal da Criança e da Assistência Social de São Luís (Semcas) e integra a coordenação do Centro de Promoção da Vida de Crianças e Adolescentes da Área Itaqui-Bacanga – CEPROVI/Pastoral do Menor. Presidiu a Funac na gestão de Jackson Lago. Elisângela também atuou na articulação da implantação da Rede Amiga da Criança de São Luís, e na implantação da Rede Maranhense de Justiça Juvenil – esta última com foco no atendimento socioeducativo e na justiça restaurativa.

======================================================   COMENTÁRIO






Ester MarquesO governador eleito Flávio Dino segue com a composição de sua equipe de trabalho. A professora Ester Marques foi anunciada na manhã desta terça-feira (11) para assumir a Secretaria de Cultura a partir de 1º de janeiro. Este é o 21º anúncio de Flávio Dino através das redes sociais.

Ester Marques assumirá a Secretaria de Cultura com o objetivo de implementar compromissos assumidos pelo Programa de Governo apresentado por Flávio Dino, como a expansão de estruturas adequadas para atividades culturais em municípios maranhenses e também do Programa Pontos de Cultura, do Governo Federal, democratizando o apoio financeiro e técnico aos grupos culturais.

Conheça o perfil da nova secretária:

Ester Marques – Secretaria de Cultura

Ester Marques é professora do Departamento de Comunicação da UFMA, formada em Comunicação, com mestrado em Comunicação e Cultura pela UNB e está concluindo o doutorado em Ciências da Comunicação. É do Conselho Estadual de Cultura, da Comissão de Análise de Projetos da Lei de Incentivo da Cultura. Coordenou como analista técnica o Plano Estadual de Cultura. É também produtora cultural e membro da Comissão Maranhense de Folclore. Foi diretora geral do Sesc no Maranhão. Desde 2012, é assessora de Comunicação da UFMA.

======================================================   COMENTÁRIO






O advogado de defesa de Diego Polary apresenta outro suposto autor da morte de Brunno Matos. Nova acareação entre vítimas e acusados ocorre, neste momento, na Delegacia de Homicídios

Por Gilberto Lima – A cada dia, surge um fato novo no trabalho de investigação do assassinato do advogado Brunno Matos. Depois de uma semana de acareação entre vítimas e acusados, nesta terça-feira(11) o advogado de defesa de Diego Polary resolveu apresentar outro envolvido no crime, ocorrido na manhã do dia 06 de outubro, no Olho D´Agua. Trata-se de um homem identificado pelo blog como Leandro.

Neste momento, as outras vítimas do ataque que tirou a vida do advogado, Alexandre Soares, Kelvin Chiang e Wesley, participam de mais uma acareação com o principal acusado do crime, Diego Polary, e Leandro. O objetivo dos advogados de defesa é que, frente a frente com Diego e Leando, as vítimas apontem quem teve participação direta no crime. Benevenuto Serejo, advogado de defesa, alega que o novo acusado tem o mesmo porte físico de Diego Polary e que as vítimas poderiam ter se confundido ao apontar o verdadeiro autor das facadas que tiraram a vida de Brunno e deixaram Alexandre gravemente ferido.

Algumas perguntas sobre esse fato novo: Por que esse acusado não surgiu no curso das investigações comandadas pelo delegado Dominici, do 7º DP? Por que foi o advogado de defesa quem apresentou o suspeito, em vez de ele ter sido intimado pela polícia a se apresentar para a acareação? Qual seria o verdadeiro interesse do advogado Benevenuto?quer confundir as vítimas, que já apontaram Diego Polary como autor das facadas? Por que Marão, pivô de toda a confusão que levou à morte do advogado, não citou em depoimentos a presença desse novo acusado? Por que Diego Polary não apontou Leandro como participante de toda a confusão? O vigia João Gomes, que presenciou toda a ação criminosa, teria citado esse novo acusado?

Acredito que possa ser mais uma manobra para fazer com as vítimas digam que têm dúvidas, a partir da apresentação de Leandro, sobre o verdadeiro autor das facadas que mataram Brunno Matos. No entanto, na acareação realizada na semana passada, Alexandre Soares, irmão do advogado, voltou a apontar Diego Polary como autor do crime.

Por outro lado, a família de Brunno Matos, deseja o afastamento do delegado Márcio Dominici, do 7º, pois ele não inspiraria nenhuma confiança na elucidação correta do caso.

======================================================   1 COMENTÁRIO






assassinado no salao

Emanuel Reverendo Joaquim Filho, 39 anos, foi assassinado, em uma Barbearia no bairro da Cohab/Anil II, ele morreu sentado na cadeira.

Na manhã do último domingo 09/11, um homem identificado como Emanuel Reverendo Joaquim Filho, 39 anos, foi assassinado, na Barbearia Padrão, no bairro da Cohab/Anil II, em São Luís. Segundo testemunhas, o executor disparou três vezes contra Emanuel, ele havia acabado de sentar na cadeira para cortar o cabelo. Os tiros acertaram a cabeça e  no tórax da vítima que morreu sentado.

Barraca de Pau, Cidade Operaria

Já durante a noite, também de domingo (09), desta vez, no bairro da Cidade Operaria, três pessoas foram assassinadas em um ataque a uma lanchonete que fica localizada poucos metros da ‘Barraca de Pau’.

Uma das vítimas, identificada como Kelfren Lúcio Moura dos Santos, 34 anos, morreu sentado em uma cadeira. As outras vítimas foram identificadas como Romário Nazaré Pereira, 20 anos, e Rawlison Ferreira dos Santos, 21 anos, foram socorridos, mas não resistiram e morreram no Hospital Clementino Moura, Socorrão II.

Foram 24 homicídios, fim semana mais violento dos últimos anos na Ilha de São Luís.

IMG-20141110-WA0395

Kelfren Lúcio Moura dos Santos, 34 anos, morreu sentado em uma cadeira, na Cidade Operaria poucos metros da ‘Barraca de Pau’.

Entre sexta(07) a domingo(09), 24 pessoas foram assassinadas na região metropolitana de São Luís. Segundo relatório da Polícia Civil do Estado esse foi o final de semana mais violento do ano.

Os homicídios elevaram a média na região que oscila entre quatro e seis a cada fim de semana. Somente no domingo (9), 12 pessoas foram assassinadas. No sábado (8), seis pessoas foram mortas por arma de fogo e armas brancas. Na sexta (7), mais seis pessoas foram vítimas de arma de fogo na Região Metropolitana de São Luís.

Neste mês de novembro, já são 45 homicídios na região metropolitana de São Luís. No mês anterior, foram 68 homicídios praticados em outubro.

O ano de 2014 acumula 938 assassinados em São Luís e nas cidades vizinhas de Paço do Lumiar, São José de Ribamar e Raposa. Em Janeiro: 103 – Fevereiro: 79 – Março: 99 – Abril: 94 – Maio: 81 – Junho: 76 – Julho: 89 – Agosto: 101 Setembro: 85 – Outubro: 86 – Novembro: 45 – até agora, Total do ano: 938.

======================================================   COMENTÁRIO






644374_318516788351176_6506654727394603946_n

Essa não era para agora! Acostumados aos lucros nas festas de aniversário de Raposa, comemorado hoje, vendedores ambulantes de diversas localidades da Ilha de São Luis, acreditando que a tradição não seira quebrada, chegaram por volta do meio dia, desta segunda-feira 10/11, na Praça Central de Raposa perguntando onde seria realizada a festa de aniversário da Cidade. Cômico se não fosse tão vergonhoso! Eles não sabem que o prefeito Clodomir de Oliveira(PRTB) paga dois milhões e meio a empresas para realização de eventos no Município, mesmo assim decidiu não fazer comemoração. Entenda melhor AQUI 

======================================================   1 COMENTÁRIO






vale_sepultamento_do_dr_luis_alfredo_no_memorial_p

Corpo do médico foi enterrado na tarde desta segunda-feira

Em entrevista coletiva publicada pelo portal G1-MA, o delegado Marcos Antônio, da Delegacia de Homicídios de São Luísresponsável pelas investigações do homicídio que vitimou o médico e diretor do Hospital Estadual do Câncer do Maranhão, Luís Alfredo Netto, 48 anos, ocorrido na manhã deste  domingo (9), informou que o assalto foi algo direcionado e que os bandidos já  possuíam como alvo a residência.

Abordagem à residência

Ao contrário das primeiras informações
divulgadas pela polícia, os quatro homens que participaram do assassinato não entraram na residência no mesmo momento em que o médico. “O médico entrou em casa e, uns dois minutos depois, eles chegaram. Eles entraram forçando o portão da garagem. Não forçaram o portão pequeno. Eles encostaram a Pajero no portão, que saiu do trilho, então eles empurraram o portão e entraram”, explicou o delegado após colher depoimentos de vizinhos e analisar as imagens de câmeras de vigilância eletrônica instaladas em casas próximas. “Um dos envolvidos no crime entrou por uma janela que estava aberta, furtando celulares e  bolsas e em seguida desceu as escadas encontrado o filho da vítima que abria a porta para o pai.  Na casa estavam a esposa, os 3 filhos e 2 estudantes de intercâmbio”, relata o delegado.

Pajero modelo TR4

luiz

Médico assassinado era direto do Hospital Geral do Maranhão, Luís Alfredo Netto

O delegado disse que a caminhonete, Pajero modelo TR4, utilizada no assalto que resultou na morte do médico foi roubada do estacionamento do aeroporto da capital maranhense. O policial acredita que o veículo tenha sido utilizado apenas neste crime. “Esse carro foi furtado na quinta-feira à noite. O proprietário deixou no estacionamento, viajou e retornaria no dia seguinte, mas não encontrou mais o carro e fez o boletim de ocorrência. Esse carro foi visto circulando na cidade, inclusive temos fotos dele na área do São Francisco e a gente acredita que ele foi utilizado somente nessa empreitada criminosa. Até porque não temos mais nenhuma ocorrência envolvendo uma Pajero TR4 neste fim de semana”, afirmou o delegado.

Mistério

delegado Marcos Antônio (Honório Moreira/  O IMPARCIAL)

Delegado Marcos Antônio, da Delegacia de Homicídios de São Luís

“Precisamos saber como esse carro saiu de lá, porque até agora o ticket está como não sendo pago, cronometrando o tempo. A gente vê que lá no aeroporto, por estar em reformas, não há vídeomonitoramento na área do estacionamento e isso é uma coisa muito séria, então precisamos saber de que forma essa carro saiu de lá, porque não foi pela entrada principal. Até agora o ticket dele está como ‘ativo’, ninguém pagou, ninguém saiu com esse ticket. Legalmente o carro ainda está estacionado por lá”, disse.

Reação ao assalto

nixon

Nixon Richardson já foi reconhecido como o bandido que efetuou os disparo que matou o médico

De acordo com Fonseca, após o grupo entrar na residência houve um confronto com a vítima. “Segundo um dos filhos, o médico tentou tomar o revólver de um dos assaltantes e como havia pessoas de sua família na residência, ele deve ter reagido. Mas como eram três contra um, ficou difícil”, completou. Guterres foi morto com um tiro no pescoço e seu sepultamento aconteceu no fim da manhã desta segunda-feira (10).

Especialista em assaltos a residências

O delegado disse ainda que o bando era especialista em assaltos a residências e que o que veículo utilizado, foi roubado pelos bandidos no Aeroporto Internacional Marechal Hugo da Cunha Machado, e após o  crime abandonado no  bairro do São Francisco.

A polícia chegou até o paradeiro de dois dos envolvidos através do sinal de um dos  celulares roubados na casa do médico. A polícia continua as buscas por dois dos bandidos que tiveram participação no crime

======================================================   COMENTÁRIO






IMG-20141110-WA0021Flávio Dino acaba de anunciar mais um nome para compor a sua equipe de governo. O professor da Uema, Alex Oliveira de Souza, será o diretor-presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema) a partir de 1º de janeiro. O anúncio foi feito pelas redes sociais nesta segunda-feira (10).

A Fapema está vinculada à Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. Alex Oliveira assumirá a Fundação com a diretriz de popularizar a Ciência e a Tecnologia no Maranhão, com a ampliação do acesso a pesquisadores, fomento à pesquisa no estado e promoção da transparência nas ações desempenhadas pela instituição.

Será da Fapema também o cumprimento de uma das propostas listadas no Programa de Governo de Flávio Dino: investir na formação de Doutores, com a concessão de bolsas, e aplicar uma política de descentralização para atingir diferentes regiões do estado. Outra iniciativa será o Programa Inova Maranhão, com o incentivo de descobertas científicas e tecnológicas.

Conheça o perfil do novo diretor-presidente:

ALEX OLIVEIRA DE SOUZA – Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão (Fapema)

Alex Oliveira é doutor em Urbanismo pela Universidade Paris Est, mestre em Desenvolvimento Urbano pela Universidade Federal de Pernambuco e arquiteto e urbanista pela Universidade Federal da Paraíba. Atualmente é professor adjunto da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), coordenador da Comissão de Pós-Graduação do Departamento de Arquitetura e Urbanismo, professor do Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sócio Regional e vice-presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Maranhão. É consultor da Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão, membro titular do Conselho Estadual das Cidades do Maranhão e tem atuação junto a movimentos sociais. Tem experiência na área de Planejamento e Projeto Urbano e Regional, com ênfase na construção de projetos em ambientes colaborativos, participativos e sustentáveis, atuando, entre os temas, com inovação Urbana e Sustentabilidade de Sítios Urbanos de Interesse Social, Cultural e Ambiental. Possui vários trabalhos publicados em anais de congressos, periódicos e livros.

======================================================   COMENTÁRIO






o-lider-josimar-cunha-rodrigues-com-o-prefeito-da-raposa-1024x682 - Cópia (2)

Primeira Dama Maria Ivonete e Prefeito Clodomir estão destruindo com o que resta do Município de Raposa

Hoje, pode até aparentar uma segunda-feira normal, comum, ensolarada como os quase 30 mil raposenses estão acostumados, mas esse 10 de novembro do ano de 2014, não é qualquer dia no Município de Raposa.

Em 1994, separando-se de Paço do Lumiar, o povoado de Raposa ganhou status de município. Nesta data tão especial, nossa querida Raposa completa duas décadas, 20 anos de emancipação política. Momento propicio para grandes celebrações e festividades. É assim que a tradição reza!

Raposa das belas praias, dos inúmeros restaurantes com deliciosos pratos típicos, Cidade dos igarapés, das dunas. Município das centenas de barcos, das variedade e abundância de pescado, do lindo Farol referência dos marinheiros…

Raposa do povo trabalhador, acolhedor, simples, pacato, como diria o saudoso Poeta José Ribamar Sousa dos Reis Gente, “gente da nossa gente”.

Existem tantos motivos naturais para comemorar, além da data é claro. Mas o algoz prefeito Clodomir de Oliveira dos Santos achou por bem nada realizar. Em duas décadas, Raposa já possuiu três gestores, nenhum desses conseguiu alcançar Clodomir. O gestor em 23 meses da sua administração, afundou a Cidade na maior crise política de sua história.

Os problemas

As obras que deveriam ser entregues nesta data, não existem! O Município completa 20 anos com problemas gravíssimos na área da saúde, sequer um hospital Raposa possui. Na maternidade, há muito tempo não nascem mais raposenses. Quando uma mãe grávida começa sentir dores, logo é levada para a maternidade de São José de Ribamar, isso quando tem combustível na ambulância.

É até uma vergonha falar sobre isso, mas é a pura e triste realidade, a cidade de Raposa não possui uma agência do Banco do Brasil. Para ser mais preciso, não dispõem de um simples caixa para saque e outras transações. Que absurdo!

A violência é motivada pelo alto e desenfreado tráfico de drogas. Assassinatos e assaltos acontecem dia e noite em níveis assustadores, nunca antes visto na ex-cidade tranquila. Agora, até nas praias existe assalto, se duvidar, eles [os bandidos] invadem até as igrejas na hora do culto.

A educação amarga indicadores alarmantes, precisaria de outra postagem para falar só dos problemas educacionais da Cidade. A falta de d’água atormenta a populações em praticamente todos os bairros.

O desemprego está levando os moradores para outros Estados, especialmente, para Santa Catarina, para ser mais preciso, Cidade de Navegantes e Itajaí. Exite por lá, uma Cidade de raposenses, estimada em quase 1.500, que fugiram do desemprego.

A roubalheira

eventos trapicheEnquanto falta emprego, saúde e educação, sobra corrupção. Na gestão do seu Clodomir acontece de tudo. Empresas fantasmas que prestam serviços inexistentes, têm aos montes. A administração é conhecida pelo toque da primeira dama[Ivonete], é ela que manda e desmanda.

Culpa de quem? Do povo que o elegeu e esperava um administrador sério e compromissado com as causas populares?!

Perguntei para um aliado do prefeito qual o motivo de não contratar nenhuma banda ou preparar um bolo para cortar na praça central, como manda a tradição no dia do aniversário da Cidade, ele respondeu que o Prefeito e a primeira dama alegam falta de recurso.

Talvez, meu amigo não sabe que os seus “patrões” já torraram e ainda torram aproximadamente R$ 2,5 milhões para pagamentos de empresas que fingem realizar eventos em Raposa.

Em três licitações fraudulentos, a Prefeitura de Raposa contratou por um período de doze meses a empresa F.M da Silva Neto, por nada menos que R$ 1.062.910,00 (um milhão, sessenta e dois mil e novecentos e dez reais) com a finalidade de serviços de eventos.

Em mais um contrato, também pelo período de 12 meses, com o objetivo de “serviços de organização de eventos”, a empresa Trapice Turismo e Eventos recebeu dos cofres públicos R$ 850.000,00 (oitocentos e cinquenta mil reais). Existe também um terceiro contrato de quase meio milhão com a mesma finalidade.

EVENTOS F. MA origens dessas empresas e todo o detalhamento das fraudes, assim como muitas outras, serão publicadas por este blog no decorrer deste mês.

Aí pergunto: Como podem gastar milhões pagando notas fiscais frias para empresas de eventos e não realizarem nada no aniversário de 20 anos da Cidade?

Se falta dinheiro para gastos com o povo, sobra para pagamento de dívidas de campanhas, principalmente para agiotas.

É preciso que os órgãos de controle e fiscalização dos recursos públicos e os de combate aos crimes contra a gestão pública, como Ministério Público do Maranhão; Superintendência Regional Polícia Federal do Maranhão; Seic – Superintendência Estadual de Investigações Criminais; Controladoria-Geral da União (CGU) e Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE – MA), atuem em Raposa e façam valer suas funções.

A corrupção está escancarada. Parabéns Raposa, pelos 20 anos de história!

======================================================   2 COMENTÁRIOS






O filho do médico Luiz Alfredo Guterres, assassinado durante assalto à sua residência, no Jardim Aldorado, no Turu na manhã de ontem domingo, 09/10, fez o reconhecimento do autor do disparo que vitimou seu pai. O bandido Nixon Richardson e mais o menor L. M. P foram autuados na Delegacia de Homicídios como responsáveis pelo assassinato do médico.

======================================================   COMENTÁRIO






Nada para comemorar

IMG_8617Hoje, 10 de novembro, é aniversário de 20 anos da emancipação política de Raposa. Em muitas Cidades maranhenses, nesta data serão inauguradas diversas obras, e durante à noite, será realizado show em referências a comemoração. Mas em Raposa é diferente! O prefeito que nada fez em quase dois anos não preparou absolutamente nada para a população. As alegações é de que não tem dinheiro. Se não tem dinheiro para obras ou para eventos, sobra recurso para corrupção. Para pagamento de falcatruas, para obras fantasmas e serviços inexistentes. Uma Cidade que sofre com a falta d’gua, repleta de problemas de saúde, com índices de educação lá embaixo, desemprego às alturas, e a corrupção correndo solta na Prefeitura.

Jogando a culpa em Talita

600349_237974743024291_1758068989_nPor incrível que possa parecer, os piniqueiros do prefeito conseguiram buscar uma desculpa para justificar o descaso da atual gestão com o Município. Segundo suas mirabolantes alegações, a culpa é de Talita Laci. Sabe-se lá baseado no quê, dizem que durante o período que Talita Laci esteve à frente da Prefeitura fez atividade ilegais. Ora, mais que desculpa esfarrapada, se a então Prefeita realizou ordem de pagamentos, fez pela necessidade do Município, não poderia deixar a Cidade parar. Todas as decisões da jovem prefeita foram realizadas dentro da mais absoluta legalidade. Quem diz o contrário, nada mais quer, se não, tapar os rombos financeiros do Prefeito com uma desculpa sem pé nem cabeça. Quer dizer que os recursos acabaram?

R$ 80 milhões já passaram na conta da Prefeitura

DSC_0484-1024x682 - CópiaDe acordo com o Demonstrativo de distribuição da arrecadação do Banco do Brasil, através do SISBB – Sistema de Informações Banco do Brasil, em menos de dois anos de gestão (23 meses), o prefeito Clodomir recebeu aproximadamente R$ 80 milhões em recursos. Toda essa fortuna é referente a soma do FPM – Fundo de Participação dos Municípios; FEP – Funco Especial do Petróleo; ICMS – Desoneração das Exportações Lei 87/96; ITR – Imposto Territorial Rural; ICS – ICMS Estadual; FUS – Fundo de Saúde; IPM – IPI Exportação – Cota Município; FUNDEB – Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – Fundeb e SNA – Simples Nacional. Enquanto isso a Primeira Dama chora alegando falta da dinheiro.

Cadê o Ministério Público?

No dia 20 de outubro, o blog denunciou: ” Mais um crime do Prefeito de Raposa que está dilapidando o patrimônio público“. Disse que o Prefeito cassado de Raposa, usou uma embarcação de fibra  COPAMA, propriedade do Município, cujo finalidade é realizar serviços pesqueiros e gerar renda para a Cidade, em uma negociação particular e ilegal. Mostrei o contrato de locação que comprova que a embarcação foi alugada por R$ 7.200 mensal a empresa de Curitiba -PR que atua no Porto do Itaqui. A CEJEN Engenharia Ltda, assinou contrato no dia 29 de julho de 2014, com outra empresa, a I.R Vil, que no contrato, aparece como proprietária do COPAMA. Um crime que até agora o Ministério Público ainda não se manifestou.

Números do primeiro turno em Raposa

1111...-votosNa 93ª Zona Eleitoral que compreende o Município de Raposa, houveram na eleição de outubro de 2014, 55 seções espalhadas em 12 escolas. Os eleitores aptos a votar foram 15.484; Compareceram nas urnas somente 13.161(85%) dos eleitores; A abstenção ficou em 15%, ou seja, 2.323 eleitores não compareceram às urnas raposenses para votar. Chamou atenção o número de pessoas que enfrentaram as filas e na frente na urna decidiram apertar as teclas BRANCO e em seguida CONFIRMA, foram 565(4,29%) votos em branco. Já os que ainda não aprenderam votar em pleno século XXI, somaram 266 eleitores(2,02%). De forma que os votos válidos, ou seja, menos os brancos e nulos, foram 12.330(93,69%) do eleitorado total apto.

Resultado segundo turno em Raposa…

segundo turnoNo segundo turno presidencial no Maranhão, o Município de Raposa, como a maioria das Cidades do nordeste deu uma votação esmagadora em favor da reeleição da presidenta petiste Dilma Rousseff. Dos 12.514(80,82) eleitores que compareceram às urnas votaram em Dilma(PT) 9.888(81,80%) eleitores. Já em Aécio (PSDB) 2.200(18,20%). A abstenção que muitos acreditavam que seria enorme, não foi, somente 2.970(19,18%) deixaram de votar. Em branco foram 161(1,29%) votos. E chama atenção a repetição de quem ainda não aprendeu votar, votos nulos somaram 265 (2,12%), comparado com o primeiro turno, aumentou em um eleitor.


Votação de Edilazio percentualmente em Raposa…

EDILÁZIOO percentual que o grupo do ex-prefeito Laci deu ao Deputado Estadual Edilázio Junior(PV) no Município de Raposa é espantosa, quando comparado com os outros Município vizinhos da Região Metropolitana, dar pra se ter uma ideia da expressiva votação. Foram 20,21% dos votos, 2.492 votos em números inteiros.

Comparação do percentual…

Por exemplo, comparado com a Capital São Luis, que possui mais de 600 mil eleitores, levando em consideração que foram às urnas aproximadamente 500 mil pessoas, os mais de 20% dos votos conquistados pelo grupo Laci em Raposa,  representam 100 mil votos em São Luís. A mesma comparação, em termos percentuais, com São José de Ribamar, é como se o grupo de Talita Laci tivesse conquistado nas urnas algo em torno de 15 mil votos na Cidade balneária. E quando o comparativo é com Paço do Lumiar, os 20% dos votos obtidos em Raposa, representam aproximadamente 10 mil votos na Cidade vizinha. Vale lembrar que na Região Metropolitana, nenhum outro candidato conseguiu sair com tão grande desempenho percentual nos quatro municípios.

Os maiores vencedores da eleição 2014

10811709_745283858885119_1943257923_nUm mês após conhecido o resultado da eleição de 2014, o blog faz uma análise dos mais maiores derrotados e os vencedores do pleito estadual na Cidade. Não é de duvidar que o grupo liderado pelo ex-prefeito José Laci saiu das urnas ainda mais forte que entrou. Talita Laci, filha do ex-prefeito, cumpriu com a palavra e junto com os raposenses conseguiu não somente transformar Flávio Dino Governador com 6.478 votos (55,18%), contra somente 4.967 votos (42,31%) de Edinho Lobão, como também contribuir com a eleição do senador eleito Roberto Rocha. Todos os candidatos da oposição foram eleitos, incluindo o Federal, André Fufuca(PEN), ampla votação em Raposa.(VEJA)

Os derrotados…

Nos grupos dos que (des)governam há mais de 10 anos, haviam apostas e mais apostas sobre quem seria o mais votado, se Josimar de Maranhãozinho(PR) ou Ana do Gás(PRB). O primeiro, candidato do Prefeito cassado Clodomir de Oliveira(PRTB), a segunda, da família Paraíba. Com o abrir das urnas, o ainda gestor mostrou a força da máquina e deu uma surra do clã. Foram 2.046 votos de Josimar contra 1.620 votos da mulher do gás.

Oito vereadores contribuíram

Contudo, existem uma ressalva nesse resultado. Vejamos, o clã-paraíba alega que o Prefeito não deu todos esses votos para o ex-prefeito de Maranhãozinho, pois, Josimar contava com apoio de nada menos que oito vereadores, que não fazem parte do grupo do Prefeito, mas sim, rezam na cartilha do presidente da Câmara Eudes Barros.

Divisão de votos para Federal

O entendimento do resultado das urnas para deputado federal é um pouco mais complexo. O mais votado foi João Marcelo(PMDB) 1.614 votos. Por uma pequena diferença de apenas 53 votos venceu André Fufuca(PEN) que obteve 1.561, candidato da oposição. Eliziane Gama(PPS) saiu das urnas de Raposa com 982 votos, ela foi apoiada por inúmeros evangélicos ligados ao grupo de Talita Laci. Em quarto lugar, Victor Mendes(PV) com 953 votos, candidato da família Paraíba. E agora a complicação, Juscelino Filho(PRP) obeteve 910 votos, mas, é que o candidato foi apoiado no Município pelos oito vereadores, portanto, na divisão dos votos obtidos de forma equânime, fica 113 votos para cada Vereador.

Cadê os votos?

downloadGente, quem anda injuriado com meu “amigo” blogueiro-radialista-jornalista sem diploma – e agora até DJ, Udes Filho, é o Deputado Estadual eleito Fábio Braga(PTdoB), segundo conta um vereador muito brincalhão da Cidade, o “dono” do jornal Quarto Poder, tinha prometido 500 votos para Fábio Braga, mas quando as urnas abriram, lá por voltas das 19h do último dia 5 de outubro, só apareceram 87 votos. Muita zoada para pouco voto!

Muita cada de pau…

Gente, existe cada um viu… Vocês acreditam que o Vereador aloprado que compra máquinas com cheque sem fundo, teve a coragem na reta final de campanha, abandonar a candidata Ana do Gás alegando falta de recursos? Pois é, ainda deu tempo do cara fechar acordo faltando apenas dois dias (48 horas) para a eleição com o derrotado deputado Carlos Filho… Pura verdade! O ex-genro da Governadora obteve 216 votos em Raposa, números bem distantes dos mil votos que Frank Neto tinha prometido. A cara de pau, fica por conta da ousadia do Vereador, que ainda teve a coragem de ir na festa de comemoração de Ana do Gás na Cidade de Santo Antonio dos Lopes, como se nada tivesse acontecido.

Laurivan X Roberto Costa

Outro que não conseguiu repetir o bom desempenho da eleição de 2010 foi o também Vereador Laurivan. Depois de ter assumido laços políticos com o Prefeito cassado Clodomir, o Parlamentar foi rejeitado pelo povo. Dos 500 votos que tinha prometido ao Deputado Roberto Costa(PMDB) só apareceu 289. Laurivan anda sumido de Raposa, segundo informações de um interlocutor do blog muito próximo do Vereador, ele está dando atenção especial aos negócios pelo interior do Maranhão. Então tá…

Os demais estaduais

Fora os três deputados estaduais mais votados, os demais candidatos que obtiveram bom desempenho, foram: Adriano Sarney(PV) 511 votos, apoiado pelo empresário João Bragança; Manoel Ribeiro(PTB) 504 votos apoiado por um grupo de lideranças ligadas ao ex-prefeito José Laci; Jota Pinto(PN) 412 votos, recebeu apoio do ex-vereador Moreira; Edson Araújo(PSL) 348 votos, apoiado por um grupo também ligado ao ex-prefeito Laci e Junior Verde(PRB) 299 votos apoiado pelo um grupo político que se diz independente.

Dia das crianças I

10616375_722589651159592_8481527552267802810_nO blog não poderia deixar passar de registar duas belíssimas ações realizada no mês passado em Raposa. Pela passagem do dias das crianças, dois moradores da Cidade se dispuseram levar alegria à centenas de raposenses. Primeiro a líder comunitária da Vila Boa Esperança Nazaré Costa, que angariou fundos e realizou um belo dia das crianças em sua comunidade e adjacências. Entregou dezenas de brinquedos, comidas e levou muita diversão para o Araçagy.

Dia das crianças II

IMG-20141017-WA0163Outro morador da Cidade que também não deixou passar em branco o dia em comemoração às crianças foi Ribamar Inácio. O jovem como faz todos os anos, economizou e comprou dezenas de presentes para doação a dezenas de crianças. Ribamar percorreu diversas residencias em Raposa para fazer a entrega dos presentes. Recebeu em troca o caminho das crianças. “Sempre faço essa ação do Dia das Crianças, é muito prazeroso olhar o sorrio de uma criança quando recebe um presente, não tem preço essa emoção”. Disse Ribamar.

Casamento abalado

charge_casamentoSabem como anda o relacionamento político do grupo do Prefeito Clodomir com a família Paraíba? A melhor forma de explicar é comparando com um casamento em crise após separação por traição. Isso mesmo! As filhas do ex-prefeito acusam Clodomir de traição após eleito, que por sua vez, agora agrada e molha o bico do Presidente da Câmara Eudes Barros afim de aproximar as partes e tentar reabilitar o casamento. O problema que depois da primeira separação o relacionamento perde a confiança, e se não tem mais confiança de ambos os lados, é quase impossível a convivência. Pois é justamente assim que os dois grupos se encontram hoje.

======================================================   6 COMENTÁRIOS

Página 697 de 915« Primeira...102030...695696697698699...710720730...Última »