Gestora recusa o veículo que atende a determinação do governador para melhorar a logística na operacionalização do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

12468246_977721695641333_1432269414_n

Caminhão permanece no estacionamento do governo do Maranhão à espera da Prefeita Maura Jorge recolher.

Após a prefeita Maura Jorge, de Lago da Pedra, perder o controle emocional durante uma solenidade oficial do Estado, em praça pública naquela cidade, no dia 28 de novembro do ano passado, a gestora rancorosa decidiu recusar tudo que seja destinada pelo Governo ao Município.

A eterna sarneisista não quer saber de benefícios que venham de Flávio Dino. A prepotência é tanta que Maura até hoje, não mandou buscar um dos 45 kits de modernização das Centrais de Abastecimento da Agricultura Familiar do Maranhão destinados a 26 municípios maranhenses, entre esses contemplados, Lago da Pedra.

A entrega foi feita desde o dia 09 de dezembro, pelo governador Flávio Dino e pela ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campelo; e também pelo secretário de Estado do Desenvolvimento Social, Neto Evangelista – este último genro da prefeita Maura Jorge.

12476207_977721555641347_1877513423_n

Caminhão ainda com o “selo” de Lado da Pedra.

Os kits são fruto de convênio celebrado entre a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Social (Sedes) e o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), no valor de R$ 9.045.450,00. Cada um dos kits é composto de um caminhão-baú frigorífico, uma balança eletrônica de 30 kg e outra de piso móvel de 300 kg, freezers horizontal e vertical, lavadora de alta pressão, monoblocos, pallets, computador, impressora a laser, além de cadeiras e mesa para escritório.

Nesta terça-feira(05), o titular do blog flagrou o caminhão oferecido a Lago da Pedra ainda com o “selo” no estacionamento do Edifício Clodomir Milet (sede administrativa do Governo), no bairro Calhau em São Luís.

Não seria a hora do governo destinar o kit a outro município que se interesse em utilizar do benefício???

É justa a prefeita deixar de beneficiar quem precisa a custa de preservar o rancor pelo governador que trabalha em benefício dos maranhenses???

Página 1 de 11